Senado: Ensine espanhol e ganhe R$ 24 mil

por Carlos Britto // 02 de março de 2009 às 09:00

O Senado reservou no orçamento deste ano R$ 47.554,56 para que os parlamentares e servidores da Casa possam viajar para os países hispânicos com mais tranquilidade ou possa atender aos seus patrícios de forma mais adequada. O valor será empregado para contratar duas professoras de espanhol, que serão responsáveis por ministrar as aulas para quatro turmas do Congresso no primeiro semestre. As felizardas educadoras serão admitidas sem exigência de concorrência pública, já que a prática, nesta soma, é permitida pela Lei de Licitações. As informações são da Organização Não Governamental (ONG) Contas Abertas.

Senado: Ensine espanhol e ganhe R$ 24 mil

  1. Barakubama disse:

    R$ 47.554,56 para os senhores senadores gastarem com os cursinhos não significa nada diante do custo que eles representam para nós brasileiros. Eles são são, simplesmente, os parlamentares mais caros do mundo. Veja porque:

    Cada minuto trabalhado no Senado Federal o Brasil desembolsa R$ 11.545,00. Cada senador custa a Nação, nadamenos que R$ 33.000.000,00 por ano. Cada deputado o custo é de 6.600.000,00. Calculando um pelo outro(deputados e senadores), cada parlamentar brasileiro, custa 10.200.000,00 aos cofres públicos. O espanto é maior ainda, quando comparados a parlamentares de paises mais ricos de que o Brasil:

    Itália = 3.900.000,00;
    França = 2.800.000,00;
    Espanha = 850.000,00;
    Argentina = 1.3000.000,00.

    O estudo é da Organização Transparência Brasil e foi divulgado pelo Bom Dia Brasil da Rede Globo de Televisão. Se esta noticia lhe enteressa, click no link e vá para postagens mais antigas e veja o vídeo.
    http://www.ovagalume.blogspot.com/

  2. Vitorio Rodrigues disse:

    A pessoa que postou as informações acima, prestou um grande serviço ao blog. Dada a importância do assunto, deveria usar o nome verdadeiro. Mas de qualquer forma fico feliz pela visita ao “OVAGALUME”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *