Segundo evento do projeto ‘Instrumental Velho Chico’ acontecerá nesta sexta no João Gilberto

0

49.04.16O Centro de Cultura João Gilberto em Juazeiro (BA) receberá nesta sexta-feira (29) o segundo evento do projeto ‘Instrumental Velho Chico’. A iniciativa é apoiada pelo Fundo de Cultura da Bahia, através do edital Agitação Cultural, lançado em 2015 pela Secretaria Estadual de Cultura (Secult) e pelo Governo da Bahia, e, desta vez, será dedicada ao contrabaixo, com a participação dos músicos Geisan Varne e Luciano Calazans.

O projeto engloba uma série de três eventos, cada qual dedicado a um instrumento musical. No primeiro, ocorrido no dia 1° deste mês, as atividades foram direcionadas ao violão, com oficinas e apresentações dos violonistas Zé Paulo Becker e Aderbal Duarte. No dia 17 de junho, os trabalhos do projeto serão voltados à guitarra, com a participação dos guitarristas Luciano Magno e Mou Brasil.

Neste segundo momento, os contrabaixistas Geisan Varne e Luciano Calazans realizarão, a partir das 15h, um workshop sobre o instrumento, demonstrando as técnicas que utilizam, falando sobre improvisação e citando instrumentistas relevantes. Às 21h, apresentam-se no palco da sala principal do Centro de Cultura João Gilberto, no show ‘Edésio César Convida’, do guitarrista são-franciscano.

Geisan Varne gravou e produziu artistas como Marcelo D2 e Tony Garrido, participando, como contrabaixista, de shows de Roberto Menescal, Paulinho Boca de Cantor, Carlinhos Brown, Tânia Alves, Sarajane, Jimmy Cliff e Midnight Drums, entre vários outros do cenário nacional e internacional.

O contrabaixista baiano Luciano Calazans já ganhou prêmios como melhor instrumentista e arranjador, gravando, também, com diversos artistas de renome, a exemplo de Gilberto Gil, Margareth Menezes, Fafá de Belém, Zezé Di Camargo e Luciano, Xuxa e Timbalada. Além disso, fez turnês pela Europa e pelos Estados Unidos, participando de festivais como o Free Jazz. O músico teve a oportunidade de dividir o palco com Herbie Hancock, Pat Metheny e Tom Jobim.

Interação

Segundo Edésio César, diretor musical e proponente do projeto, o evento representa um momento de formação e de interação, entre músicos e artistas consagrados, no cenário da música instrumental nacional. “Como o projeto se estrutura em dois momentos, um que envolve a discussão e a teoria, e outro que é mais prático, os convidados e o público, sejam de músicos ou não, têm a oportunidade de apreciar e refletir a respeito de técnicas e informações que envolvem o contrabaixo, nosso homenageado da vez”, explica.

O show ‘Edésio César Convida’ será realizado a preços populares – R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia). Os workshops serão gratuitos. As informações são da assessoria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome