Secretário de Infraestrutura ratifica que responsabilidade com esgoto em Petrolina é da Compesa

por Carlos Britto // 24 de janeiro de 2012 às 06:02

O secretário de infraestrura de Petrolina, Ricardo Rocha (foto), enviou nota ao Blog para esclarecer a polêmica sobre a responsabilidade com esgosto no município. O representante da Compesa informou que está a cargo de suas atribuições somente a manutenção das redes, o que significa que para isso é preciso que a obra seja concluída. Já Ricardo Rocha alega que é da Compesa a obrigação com tudo o que diz respeito a esgoto, mas em Petrolina, em alguns bairros, a prefeitura teve que assumir as obras para que a população fosse beneficiada.

Confira a nota:

“Ao chegar a meu conhecimento fui surpreendido com a matéria publicada neste blog, em que o senhor Reginaldo Lopes (Gerente Regional da Compesa) cita-me em uma declaração que não pronunciei. Na verdade o Gestor de Obras Rogério Valença foi quem fez declarações sobre a responsabilidade da Compesa com o esgoto ora citado. Surpreende-me o fato de um gerente regional de uma empresa com o porte da Compesa, agir de forma impulsiva atribuindo responsabilidades a outras pessoas, atirando para todo lado desesperadamente e envolvendo terceiros. Talvez os inúmeros problemas que sofre a Compesa estejam atingindo o senhor gerente a tal ponto de ao menos ter tempo de ler a matéria publicada e perceber que quem falou supostamente contra sua pessoa foi o senhor Rogério Lopes, e não Ricardo Rocha. Agindo dessa maneira supõe-se o despreparo e anti-profissionalismo do senhor Reginaldo Lopes em atingir pessoas que estão trabalhando de forma compromissada com a população, com tarefas que vão além de suas responsabilidades, já que infelizmente temos que literalmente tapar o buraco dos outros. Estamos batalhando para construir uma Nova Petrolina e sigo acreditando que: só quem se justifica diante das responsabilidades é quem deixou de cumpri-las, prefiro trabalhar mais e falar menos.”

 Ricardo Rocha -Secretário de Infraestrutura do município

Secretário de Infraestrutura ratifica que responsabilidade com esgoto em Petrolina é da Compesa

  1. Kleiton Lins disse:

    A população já está cansada com este jogo de empurra entre a Prefeitura e a Compesa.
    Enquanto um empurra a responsabilidade para o outro, a população petrolinense sofre com o descaso.
    Esgotos jorrando nas ruas, tubulação estourada jorrando água limpa e quando a Compesa resolve reparar a tubulação, deixa as ruas repletas de BURACOS, pois não reparam a pavimentação.
    Afinal, de quem é a responsabilidade de reparar as ruas neste caso?
    Está mais do que na hora de os nossos representantes no Legislativo municipal, juntamente com o Ministério Público, se manifestarem e tomarem um providência imediata.
    A população “sofrida” clama por socorro.

  2. José Fernando disse:

    Há não…vamos confessar …a Compesa é ruim demais em petrolina…mas eu ouvi no dia a entrevista e quem entrou na rádio Emissora Rural por telefone, que o problema era da Compesa foi este secretário aí sim…
    Esse Rogério Lopes entrou no outro dia na emissora para falar que a responsabilidade de concluir a obra era da prefeitura e tava até dando prazo!! Esse secretário é muito é despreparado…num sabe nem o que fala e essa não é a primeira vez!!!

  3. Desconstruidor de Discurso disse:

    Essa questão já foi decidida, tanto aqui em Petrolina como lá em Recife, pela Justiça Federal, quando se discutia a responsabilidade do lançamento de esgoto inaturo no rio. A responsabilidade é da COMPESA e não poderia ser diferente. Aqui em Petrolin, quem lucra 5 milhões por mês com a exploração desse serviço é a COMPESA, então ela é quem é responsável pelas obras.

  4. Indignada disse:

    É um pular de “responsabilidades”. Enquanto isso a população que elegeu o administrador da cidade continua com a “cara enfiada na merda” e pronta para aplaudir os futuros candidatos. Como se diz que cada povo tem o dirigente que merece, “guenta”…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *