Rebelião em presídio no Pará deixa 52 mortos; 16 deles fora decapitados

2
Foto: reprodução/Susipe

Ao menos 52 detentos morreram nesta segunda-feira (29) em decorrência de uma rebelião no Centro de Recuperação Regional de Altamira, no sudoeste do estado do Pará. O motim teve início por volta das 7h devido a uma briga entre facções criminosas rivais, o Comando Classe A (CCA) e o Comando Vermelho (CV). Dois agentes penitenciários foram mantidos reféns, mas liberados após negociações.

Dos 52 mortos, 16 foram decapitados de acordo com a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe). O restante, conforme informações preliminares, morreu por asfixia.

O motim começou no Bloco A do presídio de Altamira, onde estão os presos de uma organização criminosa. (Fonte: Portal Metrópoles)

2 COMENTÁRIOS

  1. Meu caro Defensor da Liberdade tu tais enganado, em Angola preso anda de cabeça baixa respondendo sim senhora até a um rato. Cadeia Brasileira é um mix de hotel com universidade do crime, lugar onde presos são Reis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome