Presidente do Sindsemp rechaça conotação política para possível greve dos servidores: “Queremos apenas o que é de direito da categoria”

3
Walber Lins, Presidente do Sindsemp. (Foto: Blog do Carlos Britto)

walber sindsempO presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Petrolina (Sindsemp), Walber Lins, descartou qualquer conotação eleitoral com a possível greve da categoria, que pode acontecer até o próximo dia 16 deste mês.

Para Walber, a entidade está acima dessas questões. “O Sindicato é uma representação legítima do servidor, não tem cara de partido porque não é vinculado a nenhum partido”, destacou.

Ele deixou claro ainda que o Sindsemp não tem vinculação com nenhuma campanha majoritária em Petrolina. “Até porque a lei nos veda isso, e nem é do nosso interesse estarmos vinculados a algum candidato”, ressaltou. Por último, Walber salientou que se reivindicação do sindicato foi enxergada como algum indício de politicagem, é do ponto de vista do candidato. “Nós estamos aqui para defender o direito do servidor. Se o direito está previsto na lei, nós só queremos o cumprimento da lei. Não queremos mais nada do que seja o justo, o correto, o que é de direito do servidor”, concluiu o presidente.

3 COMENTÁRIOS

  1. Vi que na LRF tem um Índice de Pessoal, se Petrolina estiver nos percentuais que proíbe, este ato é tao político quanto ilegal, caso contrario a luta é justa. Sindicato qual é o índice que Petrolina se encontra? é Legal promover este aumento?

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome