Presidente da Câmara de Dormentes faz balanço dos seus seis primeiros meses de mandato e comemora avanços

por Carlos Britto // 14 de julho de 2017 às 19:32

Em seu segundo mandato consecutivo, a presidente da Câmara de Vereadores de Dormentes (PE), no Sertão do São Francisco, Maria do Rosário, a “Rosarinha” (PSB), fez um balanço dos seus seis primeiros meses de mandato. Em entrevista a este Blog, ela elencou algumas ações e disse acreditar que muito está por vir.

Apresentamos diversas indicações e aprovamos leis que são importantes para o desenvolvimento do município, mantendo a harmonia necessária entre o Poder Executivo e o Legislativo”, comentou a vereadora.

Rosarinha disse que a Câmara está se aproximando cada vez mais da população. “A gente tem observado os problemas da população e estamos vendo onde precisa se fortalecer o nosso trabalho. Hoje à noite começam as audiências públicas, onde as comunidades vão ajudar no PPA (Plano Plurianual). Não deixando de lado os diversos setores, mas continuo defendendo fortemente a questão da saúde pública, por entender que vivemos ainda um momento muito distante do que a nossa população merece”, frisou.

Durante a visita do governador Paulo Câmara (PSB) a Petrolina, nesta sexta-feira (14), Rosarinha entregou ofício com vários pedidos. “Solicitamos algumas prioridades para o nosso município e cobramos, principalmente, o Hospital da Mulher Sertaneja. Só o Imip não dá para atender a grande demanda da região. Acredito que o governador tem que priorizar esse hospital, porque estava no seu plano de governo. Já pedi ao prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, para que ele seja um prefeito parceiro para trazermos o hospital para cá, para atender toda a demanda regional. Assim como chegou a UPAE, eu acredito que esse hospital também vai chegar”, diz.

Sobre a questão do esgotamento sanitário de Dormentes, Rosarinha disse que a Companhia “já realizou melhorias significativas” e que o serviço deve ser ainda mais aprimorado, “O Governo do Estado assinou, hoje, um documento que deve priorizar essa parte”. Rosarinha também disse que outra demanda reivindicada a Paulo Câmara foi a restauração da PE-635, que liga Dormentes ao município de Afrânio. Ela conta que a estrada continua deteriorada e a situação representa perigo, pois já aconteceram inúmeros assaltos, além de acidentes. “A recuperação daquela estrada tem que ser urgente. O governador prometeu para 2018, mas eu acho que tinha que ser agora”, opina.

Oposição x situação

Questionada sobre a atuação dos grupos de oposição e situação na Câmara de Dormentes, a vereadora disse que, mesmo sendo governista, não deixa de fazer cobranças ao prefeito Geomarco Coelho (PSB). “Seis vereadores são de situação e cinco de oposição. Eu acredito que é uma ‘briga’ tranquila. A oposição faz o trabalho dela e nós respeitamos, porque a população deu a eles o voto. Ambas as bancadas estão fazendo o seu papel. Mesmo sendo de situação, mas quando identificamos que precisa ser melhorada alguma coisa, levamos as cobranças ao prefeito”, concluiu.

Presidente da Câmara de Dormentes faz balanço dos seus seis primeiros meses de mandato e comemora avanços

  1. Frederico Cuellar disse:

    Boa noite! Realmente a Câmara e a população estão bem próximas, com sessões como a de ontem super extraordinária onde ninguém sabia, além de tudo Senhora Vereadora aprovar um parcelamento de dívida da previdência que não é de ontem, por sinal sabemos que o responsável, isso é certo? Queremos sua resposta nesse mesmo conceituado Blog!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *