Prefeitura de Sobradinho realiza sorteio de primeiros lotes de programa habitacional

0
Foto: Ascom PMS/divulgação

Após o período de análise das inscrições para acesso aos lotes do Programa ‘Nova Sobradinho I e II’, a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social da prefeitura convocou todos os cadastrados a participarem da realização do sorteio da localização dos terrenos, ocorrido sexta-feira (13) no Plenário da Câmara Municipal. Nesta primeira etapa foram sorteados 843 lotes para famílias em vulnerabilidade econômica, que fazem parte dos programas sociais desenvolvidos pelo município. Na próxima etapa, 513 lotes serão repassados para empreendedores, com valores bem abaixo do mercado, em sistema de venda direta.

Para garantir transparência e lisura no sorteio, as famílias pré-cadastradas acompanharam todo o processo e, a cada nome anunciado, os contemplados vibravam com a conquista de ter seu terreno para construção da casa própria. “Estou muito feliz em ter sido contemplada com este terreno, depois de tanto tempo morando de aluguel, finalmente vou poder realizar o sonho da casa própria”, declarou a dona de casa, Maria Lúcia de Oliveira.

O prefeito Luiz Vicente Berti frisou que a doação dos lotes é um passo importante na edificação do bem-estar social e na política de inclusão desenvolvida pela gestão municipal. “Quando a pessoa consegue o seu terreno, fica fácil, pois é o primeiro passo para a construção da casa própria, sonho de todo brasileiro. Com a garantia do terreno, a pessoa se organiza para construir, os filhos vão ajudando, compra o cimento, compra a areia, compra o tijolo, compra telha, termina construindo a sua casa, e finalmente sai do aluguel. Portanto, quando nós assumimos a prefeitura, tínhamos uma meta, um foco: valorizar as pessoas dentro do contexto social da nossa cidade, dentro de uma visão de que todos temos importância em nossa comunidade. Mas, para isso, as pessoas precisam morar com dignidade, ter sua casa própria“, pontuou.

Combate ao déficit

Criado pela gestão municipal, o Nova Sobradinho I e II  tem como objetivo diminuir o déficit habitacional e atrair empreendimentos que promovam o desenvolvimento econômico do município. O número total de lotes residenciais é de 1.174, enquanto os lotes comerciais, que serão repassados através de venda direta e valores bem abaixo do mercado, são de 513 no total. Os recursos oriundos da comercialização serão investidos em serviços de infraestrutura do novo bairro que está nascendo em Sobradinho, de forma regulamentada, através de uma iniciativa inédita na região no quesito habitacional.

De acordo com estudos recentes, existe um déficit habitacional de menos de 2000 residências no município e o Nova Sobradinho irá atender grande parte desta demanda, contemplando famílias com lotes que variam de 8 por 20 a 10 por 23 metros quadrados, cada.

As áreas que serão loteadas foram adquiridas pela gestão municipal da Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), com recursos próprios – um total de cerca de R$ 500 mil, numa área de 45 hectares localizada nas proximidades do Pátio do Vaqueiro e do bairro São Francisco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome