Potenciais focos de proliferação do Aedes aegypti em praça de Sobradinho preocupam moradores

0

Em tempos de combate ao Aedes aegypti – mosquito transmissor da dengue, zika e febre chicungunya –, o período chuvoso na região representa um perigo a mais, devido ao acúmulo de água em muitas áreas.

Em Sobradinho, no norte da Bahia, por exemplo, os moradores do entorno de uma praça na Vila Santana reclamam da quantidade de água parada acumulada numa espécie de “tanque” – espaços perfeitos para proliferação do mosquito.

Eles também reclamam que outros locais na mesma praça estão com água acumulada, como as “caixas” de cimento que seguram os postes de iluminação. Fica o alerta para as autoridades. (foto/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

11 + 1 =