Por meio de nota, Uber lamenta tentativa de homicídio contra motorista e se coloca à disposição dos investigadores

2
Foto: Ilustração

A Uber manifestou-se agora há pouco sobre a tentativa de homicídio contra o motorista Joel Victor de Souza, de 21 anos, ocorrida na noite desta quarta-feira (15), no bairro Kidé, em Juazeiro (BA). Por meio da assessoria, o aplicativo lamenta a “violência que permeia nossas cidades”.

A empresa também se solidariza com Victor e se colocou à disposição para “colaborar com as autoridades no curso de investigações ou processos judiciais, nos termos da lei”.

Caso

Como o Blog noticiou esta manhã, o jovem fazia uma corrida no bairro Kidé, ontem, quando dois homens e uma mulher embarcaram no carro da vítima. Os suspeitos atacaram o motorista com golpes de faca e levaram o veículo, que depois foi encontrado incendiado próximo ao local do crime. Ainda não há informações sobre a prisão dos envolvidos.

À tarde, Victor – que segue internado no Hospital Universitário de Petrolina (HU) – gravou um vídeo narrando o ataque dos criminosos. Segundo Victor, os suspeitos só não o mataram porque uma testemunha estava próxima ao local.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome