Policiais penais de Pernambuco farão passeata para cobrar cumprimento de acordo

por Carlos Britto // 21 de novembro de 2021 às 19:25

Foto: divulgação

Policiais penais do Estado de Pernambuco vão realizar nesta segunda-feira (22) uma passeata às 15h30, com concentração no Bairro do Derby, no Recife. A saída acontecerá as 16h30, em direção ao Palácio do Campo das Princesas.

A passeata foi organizada pelo Sindicato dos Policiais Penais de Pernambuco (Sinpolpen-PE) e foi motivada pelo que a categoria considera “desrespeito pelo não cumprimento do acordo coletivo assinado, pelo qual o Estado não está cumprindo até o presente momento”.

O acordo prevê a criação do Departamento da Polícia Penal, negociação de reajuste salarial, novos enquadramentos por tempo de serviço e alteração do plano de cargos.

Os policiais penais, mesmo com baixo efetivo e poucas condições de trabalho, vêm conseguindo aumentar as apreensões de ilícitos e controlando preventivamente rebeliões no Sistema Penitenciário. Desde o ano de 2016, não ocorreram novas rebeliões e motins, bem como melhoraram percentualmente as apresentações de presos à justiça. Nos últimos quatro anos a categoria tem perdas de ganhos salariais e com congelamento de salários.

Porém, os policiais penais cobram o cumprimento do acordo coletivo e a negociação para reajuste salarial, novos enquadramentos, a estruturação da carreira e criação do Departamento de Polícia Penal.

Paralisação

Durante a passeata a categoria vai solicitar a reabertura dessa negociação e espera que a Diretoria do Sindicato seja recebida pelas autoridades do Palácio do Campo das Princesas. “Caso o Estado não atenda a categoria, marcando uma mesa específica de negociação após a passeata dos policiais penais, deveremos marcar uma assembleia geral para deliberar por operação padrão, ou até paralisação dos serviços no Sistema Penitenciário”, adiantou o Sinpolpen-PE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *