Petrolinenses reclamam de agendamento para 30 anos ou mais e Secretaria explica

por Carlos Britto // 04 de agosto de 2021 às 07:24

Ascom PMP/SMS divulgação

A semana começou com muitas reclamações em Petrolina, quanto ao sistema de agendamento para a vacina contra a Covid-19 destinada ao público de 30 anos ou mais sem comorbidades. O estudante Bruno de Melo foi um dos que tentaram, em vão, realizar o procedimento.

Ele acessou a Plataforma TI Saúde na segunda-feira (2) para garantir sua dose. Bruno, que completou 34 anos ontem (3), queria ter esse presente de aniversário, mas não conseguiu agendar a vaga. “Desse jeito está difícil”, reclama.

Já uma comunitária usou de ironia para questionar o porquê do prefeito Miguel Coelho ter conseguido o agendamento, e ela até agora não. “Queria saber como ele agendou! Estou há mais de três semanas tentando e não consigo! Aí ele ontem agendou…Ah, a internet dele deve ser da boa”.

Esclarecimento

Por meio de nota enviada pela assessoria de comunicação, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) argumentou que o município tem recebido semanalmente novas remessas do imunizante e as doses são liberadas de acordo com o número que chega. A alta demanda, no entanto, tem ocasionado o problema.

Confiram a íntegra da nota:

A Secretaria de Saúde em Petrolina informa que a vacinação no município ocorre de acordo com o quantitativo de doses recebidas, assim, o agendamento na plataforma é liberado de acordo com o número de imunizantes que chegaram. A Secretaria informa ainda que semanalmente tem recebido novas remessas de vacina, e imediatamente são disponibilizadas as vagas para o agendamento e, assim, é possível que a população tome a vacina. Somente na segunda-feira (02) foram abertas 6 mil vagas, que foram preenchidas em menos de uma hora.

Seguem o cronograma de agendamento os públicos pertencentes às forças armadas; caminhoneiros; trabalhadores da indústria e da construção civil; e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário, além da população em geral, com 30 anos e mais.

Os profissionais da Saúde e da Educação, com idade entre 18 e 59 anos, não precisam realizar agendamento. A vacinação acontece, exclusivamente, no Polo Univasf. Pessoas com comorbidades, gestantes, puérperas e indígenas, entre 18 e 59 anos, assim como os idosos de 60 anos ou mais, também não precisam realizar agendamento e a vacinação acontece, exclusivamente, no Polo Sesc.

SMS/Ascom             

Petrolinenses reclamam de agendamento para 30 anos ou mais e Secretaria explica

  1. Maria disse:

    Não sou da Prefeitura e nem tenho parente lá, mas eu consegui agendar no dia que abriu para 30 anos. Foi difícil? Foi, mas com muita insistência graças a Deus deu certo. Do mesmo jeito que o prefeito conseguiu e outras tbm. Nada cai do céu. Tem que insistir

  2. O BLOGGUEIRO o caçulinha do Vale do Sao Francisco disse:

    nao foi nem uma hora, acabou!, eu mesmo tentei e nao conseguir em 10 minutos….

  3. RENATO disse:

    Quero fazer uma reclamação que ta impossível de fazer agendamento,tou tentando desde do dia 1 de setembro e até agora dia 20 de setembro não tou conseguindo agendar minha 1 dose,por falta de vagas,,isso é um absurdo,e se não resolverem isso vou abrir o bocão na mídia isso ai..Isso ta errado,Carlos Brito meu amigo divulgue isso ai,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *