Petrolina atinge 583 casos do novo coronavírus e 182 curas clínicas

4
Foto: Ascom PMP/SMS divulgação

Em mais uma rodada de testes rápidos para detectar o novo coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Petrolina atendeu 366 pessoas. Desse total, 17 deram positivo: 10 homens com idades entre 23 e 53 anos, e sete mulheres entre 26 e 84 anos. Os dados são da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que em seu boletim atualizado desta segunda-feira (22) trouxe outros quatro resultados positivos de exames analisados pelo Laboratório Central de Pernambuco (Lacen-PE) e um por laboratório particular. Os pacientes são três mulheres de 29, 50 e 52 anos, e dois homens de 66 e 74 anos.

Com esses 22 infectados, Petrolina chegou ao total de 583 casos do novo coronavírus. São 435 confirmações por testes rápidos da prefeitura e 148 casos diagnosticados através de exames laboratoriais. Curas clínicas somam 182.

Mais dois óbitos por Covid-19 também foram registrados. O primeiro foi de uma paciente de 29 anos, nesta segunda-feira. Ela tinha doença crônica e estava internada no Hospital Regional de Juazeiro (BA). O segundo é de um paciente de 66 anos. Ele faleceu no último dia 20 de junho e o resultado do exame positivado para Covid-19 só saiu hoje. Ele havia sido notificado como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Com isso, o total de mortes subiu para 22.

Também nesta segunda Petrolina notificou um óbito como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). O paciente tinha 72 anos e estava internado no Hospital Memorial.  Foi coletado o material biológico e enviado para o Lacen-PE.  A prefeitura aguarda o resultado para confirmar o tipo de síndrome respiratória.

SRAG

Quanto à SRAG, o boletim mostra 119 casos em investigação e 30 já descartados. Confirmados somam nove casos, além de um óbito.

Internamentos

A prefeitura também disponibilizou a taxa de ocupação dos leitos para a Covid-19 na rede pública e privada de Petrolina.

4 COMENTÁRIOS

  1. 300 casos no começo do mês, agora são 583 faltando 8 dias para o mês acabar, e depois Petrolina é referência em combate à pandemia. Só se for na cabeça dos alucinados pela propaganda do prefeito, que causa inveja à máquina de propaganda nazista.

  2. Estou só observando as movimentações das pessoas dizendo que vão se reunir neste São João. Infelizmente, as pessoas baixaram a guarda e estão menos atentas ao proliferação do covid 19. Escreve aí o que eu vou dizer, depois do São João, vamos passar de mil casos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome