Perito vítima de explosão é enterrado em Pernambuco

por Carlos Britto // 01 de março de 2009 às 23:05

O corpo do perito Maurício Barreto, uma das vítimas da explosão na sede da PF em Manaus, foi enterrado neste domingo (1º) no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife.

A família do perito, de 37 anos, não quis comentar o acidente. A Polícia Federal em Pernambuco informou que o órgão só vai se pronunciar quando a perícia for concluída.
Explosão
A explosão ocorreu na sexta-feira, quando os peritos Maurício Barreto, Max Neves e Antonio Oliveira analisavam um cilindro onde haveria cocaína. O objeto foi apreendido em uma operação contra o tráfico de drogas.
O acidente abriu um buraco no teto da sede da PF. A sala ficou completamente destruída. Várias janelas ficaram quebradas e portas foram arrancadas. Estilhaços estão espalhados ao redor do laboratório onde ocorreu o acidente.

Além das vítimas fatais, um perito que estava em outra sala sofreu ferimentos leves e foi liberado do hospital ainda na sexta-feira.

Um dos policiais morreu na sexta-feira (27), dia do acidente. Barreto e Neves morreram no sábado (28).

Investigação
Oito peritos da Polícia Federal de Brasília estão em Manaus para investigar o que causou a explosão que matou os três peritos. O prédio continua interditado.

Os especialistas vão trabalhar no local durante todo o dia. Segundo o superintendente da Polícia Federal no Amazonas, Sergio Fontes, não há previsão para a conclusão dos trabalhos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *