Paulo Câmara evita entrar mais uma vez em clima político-eleitoral do PSB em Petrolina

3

image

Pelo visto o governador Paulo Câmara quer fugir a todo custo do clima político-eleitoral do seu partido, o PSB, em Petrolina. Câmara esteve na cidade na última sexta-feira (19), mas veio cumprir apenas agenda administrativa. Ele participou ao lado da presidente Dilma Rousseff e do prefeito Julio Lossio (PMDB) da entrega de moradias dos Residenciais Vivendas I e II, do Programa ‘Minha Casa Minha Vida’. E só.

No mesmo dia o PSB local promovia um encontro para falar dos desafios que Petrolina precisa enfrentar. O evento teve as presenças dos prefeitos de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, e do Recife, Geraldo Julio, além de alguns gestores de cidades próximas. O governador, no entanto, não deu as caras.

Antes desse encontro, o socialista esteve em Petrolina somente no início de novembro, para o funeral do ex-deputado Osvaldo Coelho, e ainda não participou de nenhuma das Agendas 40 realizadas pelo PSB. Daí não é de se surpreender os rumores de que o governador, por enquanto, que evitar ‘bolas divididas’. (foto: SEI-PE)

3 COMENTÁRIOS

  1. Será que ele manterá o tempo todo a conversa de bastidores para os seus partidários de Petrolina: estapeiem-se e se quebrem os mais fracos? Ou mais uma vez o espírito de Eduardo Campos se apossará de Paulo Câmamara para não fortalecer a liderança de FBC em Pernambuco?

  2. Governador fraco, não apoiará FBC em nenhum embate.
    O PSB de Petrolina, dividido, não vai incomodar ninguém na eleição.
    anote aí: Adalberto e o candidato de Lóssio disputam as eleições. Além disso, só figurantes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

dezessete − dois =