Operação ‘Petrolina Segura’ detém um por conduzir veículo roubado

5

operação petrolina seguraEquipes do 5º BPM desencadearam ontem (9) uma ação com vistas a reforçar o policiamento ostensivo em de Petrolina.

Batizada de ‘Petrolina Segura’, a operação contou com a instalação de pontos de bloqueio em vários pontos da cidade. Durante todo o dia foram realizadas diversas abordagens a motoristas e motociclistas, que culminaram com a prisão de uma pessoas.

O detido foi Antonio Joaquim da Silva, de 57 anos. Segundo boletim do 5º BPM, ele conduzia um veículo Chevrolet Ágile, placa NZI-0880, cor preta, o qual tinha sido roubado e a placa clonada. O suspeito foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil (DPC), onde foi autuado em flagrante delito. A operação contou também com a participação de homens da Polícia Civil e da Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo (EPTTC). (Foto: 5º BPM/divulgação)

5 COMENTÁRIOS

    • PORQUE EU NUNCA VI UM ASSAUTO FEITO POR UM MOTORISTA.
      SO VEJO MOTOQUERO ASSAUTAR, MOTOQUERO BARBERAR NAS PISTAS, FAZER MERDA. MOTOTAXISTAS ENTAO, FOI O ERRO MEU LIDER DEXAR ELES TRABALHAR. TEM QUE SER MUITO BOM MERMO.
      NAO CONFIO EM NINGUEM QUE ANDA EM DUAS RODA!

    • Esses tem que fazer é isso mesmo , e não ficar em baixo da sombra multando os pais de famílias, onde na maioria vingança a certas pessoas o que uni o útil ao agradevel, em vez de orientar, também recebem por multas, e isso é uma fabrica de fazer dinheiro a prefeitura, uma vergonha essa EPTTC.

      • Até hoje eu só levei multa quando fiz coisa errada no trânsito. Admiti que errei e paguei a multa. Não fiquei me queixando depois. Se você parar o seu carro em fila dupla, estacionar em uma vaga para idosos ou deficientes, vai levar multa. Sabe porque? Porque é errado! Eu acho que a fiscalização da EPTTC ainda é muito conivente, porque os motoristas em Petrolina são extremamente mal-educados, pois acreditam na impunidade. Se a fiscalização fosse na base do “Tolerância Zero” acho que o trânsito seria bem melhor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome