Operação “Boca de Lobo” cumpre três mandados de prisão em Juazeiro

por Carlos Britto // 05 de julho de 2012 às 16:30

Três pessoas foram presas até agora em Juazeiro durante a Operação “Boca de Lobo”, que investiga fraudes em licitações em obras de saneamento, entre outros crimes, deflagrada hoje (5) pela Polícia Federal (PF). Outras sete ainda estão foragidas. Ao todos 17 mandados de busca e apreensão foram expedidos pela Justiça Federal e 10 mandados de prisão. As informações foram divulgadas agora há pouco em uma entrevista coletiva na delagcia de PF, no bairro Santo Antônio.

“Além das 10 pessoas que têm mandato, é provável que mais gente esteja envolvida no esquema, por isso as investigações que acontecem desde 2007 devem continuar”, declarou o delegado Amaro Guimarães. 

O delegado federal Enzo Ricardo e o representante da Controladoria Geral da União (CGU), Antônio Edi, também participaram da coletiva de imprensa.

Os nomes das pessoas envolvidas na operação não foram divulgados por orientação da justiça. No entanto, nos principais portais de notícias do país, constam como presos o ex-procurador do município, Pedro Cordeiro; Alberto Martins, ex- diretor do SAAE e dono da empresa Real Saneamento, que venceu a licitação e executou a obra no município; e Sebastião Azevedo, sócio da empresa. Segundo os veículos, as buscas continuam pelo ex-prefeito Misael Aguilar, que estaria em uma fazenda no município de Barreiras, oeste da Bahia. 

Segundo o delegado Amaro, os contratos das obras do foco da investigação tratam de mais de R$ 80 milhões. “Agora o próximo passo é a realização de uma perícia para análise técnica dessas obras. Os acusados devem responder pelos crimes de lavagem de dinheiro, fraude licitatória, formação de quadrilha, peculato, falsidade ideológica, entre outros,” afirmou Amaro.  

Os presos, por possuírem curso de terceiro grau, foram encaminhados para o Batalhão da Polícia Militar do município.

Operação “Boca de Lobo” cumpre três mandados de prisão em Juazeiro

  1. Morrí disse:

    Esta operação poderia ser mais eficiente. Um ligeiro cochilo na deflagração da operação. O principal envolvido deveria ser o alvo principal e em torno dele se armaria a operação. Assim todos teriam sido preso num mesmo momento. De qualquer sorte parabèns para a PF.

  2. paulinho disse:

    tá explicado porque juazeiro nao vai pra frente

    1. raimundo disse:

      moro em juazeiro e sei como a cidade sofre por causa desses e a que se ferre.

      1. Siriri disse:

        E ainda tem quem defensa esse cara! É esse tipo de gente que afunda a cidade!

  3. Petrolinense disse:

    A PF deveria vir a Petrolina investigar as obras de saneamento do bairro Santa Luzia e Dom Avelar. O negocio aqui é feio. É uma obra que começou em 2004 e até hoje entra empreiteira sai empreiteira e nada muda.

  4. falador disse:

    já não era sem tempo. desfilavam em carrões como se nada tivesse acontecido.vão devolver o que levaram?

  5. Luiz Mauricio disse:

    Pena que a operacao prendeu gente que nao tem nada a ve com o caso, que acabou pagando por quem deveria esta detido. A corda sempre arrebenta do lado mais fraco

  6. FALANDO SÉRIO disse:

    Já estava mais que na hora desses bandidos de colarinho branco irem pra cadeia, Juazeiro não vai pra frente é por conta desses roubos de gente informada que não faz nada por essa cidade e só tira, a verba veio pra saneamento mas eles embolsaram cada um alguns milhões e achavam que ia ficar por isso mesmo? Agora vão pagar pelo que fizeram, que a JUSTIÇA seja feita.

  7. FRANCISCO BARRETO disse:

    “A explicação de muros altos”
    Fatos concretos como esse explicam o que muitos achavam “inexplicável”: enriquecimentos ilícitos, impunidade ,arrogância e prepotência andam de braços dados neste país às custas de uma boa educação e uma boa saúde…
    Roubar ou assaltar à mão armada no Brasil foi forjado a ferro e fogo ao longo da história e se tornou meritoso, onorífico–em muitos casos endeusados pela própria imprensa, por conseguinte pela população em geral. Ainda estamos longe da civilização e também distantes da barbárie.Num país de muros cada vez mais altos, onde roubar dá ibope e não cadeia. Deveríamos ter sido colonizados pelo titio San!!!!

  8. FRANCISCO BARRETO disse:

    Ao que tudo indica, desde o buraco de Calú, passando pelo 72 Bi, aeroporto, etc., e chegando nos anos 80, a caixa de pandora nunca mais foi fechada a contento. A “Arca Encantada” de muitas prefeituras continua a encantar e seduzir até os ateus, céticos cínicos e descrentes deste município. A PF achou apenas o fio da meada e o desenrolar do novelo tem milhões de anos-luz de tamanho.

  9. nina disse:

    MMMMMMMMMMMMMM……

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *