10 COMENTÁRIOS

  1. Esta mais do que certo,tem servidor ai,que se faz de doente e esta em Juazeiro,Casa nova e outras cidades Dando aula agora se fazem de coitadinhos,só sendo emprego público mesmo,muita moleza,term que fazer exame mesmo..

  2. Alguém poderia me dizer: se não for em sala de aula, onde o professor deveria estar? O método pode até ser DURO, mas vai acabar com a MOLEZA. Se não quiserem ser professor,façam concurso para outra coisa, mesmo sabendo, que também não vão ter boa vida.

  3. TEM QUE ARROCHAR MESMO. EXISTEM FUNCIONÁRIOS QUE FAZEM DE DOENTES E ARRANJAM ATESTADOS NA MAIORIA FALSOS E VÃO TRABALHAR EM OUTRAS ATIVIDADES, PRINCIPALMENTE PARTICULARES. SE NÃO PODE TRABALHAR COMO PROFESSOR POR ALGUM MOTIVO, ADEQUE E BOTE PRA FAZER ALGUMA COISA, NEM QUE SEJA NA SECRETARIA. O QUE NÃO PODE É RECEBER SEM FAZER NADA. É DINHEIRO DO POVO. E O PIOR, ALÉM DE PAGAR ESTE SERVIDOR SEM FAZER NADA AINDA TEM QUE CONTRATAR OUTRO PARA SUPRIR A FALTA DAQUELE SERVIDOR.

  4. Assim como os direitos humanos são inclinados a defenderem todo o gênero de bandidos, os sindicatos inclinam-se (não é a regra) a defenderem servidores preguiçosos e golpistas no serviço público. É comum vermos servidores improdutivos e afastados do serviço -alengando doença-, nos carnavais, festas e cachaçadas da vida, recebendo dos cofres públicos, em detrimento dos contribuintes e do bons servidores que cumprem regularmente com o seu dever. O coronel Leite conhece muito bem o problema, visto que essa laia também tomou conta dos quartéis – os militares de contracheque-, que só são militares na hora o pagamento e da promoção. Fora essas duas situações, são lesmas. Os médicos também são coniventes, pois coisa fácil nesse submundo chamado Brasil é se conseguir um atestado ,médico. O comentário de SEMPRE ATENTO é corretíssimo. Tem professor afastado da sala de aula por motivo de saude (alegação) com vínculo em outro município. Professores e os demais servidores têm que ser contratados em regime de dedicação exclusiva ao ente federado para o qual prestou o concurso e não dar uma de super homem/mulher, a ponto de querer ensinar em tudo quanto é lugar pensando tão somente em seu bolso, principalmente quando se trata de gente sem escrúpulos, afastado do serviço por uma doença muitas vezes forjada (e recebendo sem trabalhar) e tendo vínculo em outro ente. Pau neles. .

  5. Todos vocês devem ser puxa-saco do Militar que está conduzindo a educação municipal,ele deveria mudar o foco para cuidar das escolas que foram incluídas no rank das piores do Brasil e não querer pisar em quem já está mal. Se vocês não conhecem a situação do readaptado deveriam calar-se..Sem contar que o readaptado trabalha e muito, dentro das suas condições físicas e mentais.Povo cruel e ignorante!!!

  6. O MP/ de Petrolina deveria ter maiores cuidados ao escolher a Promotora de Orocó para dar assistência a nossa população que jamais poderá sofrer ameaças e telefonemas dessa promotora na pendência de soluções entre familiares, na qual envolvia uma senhora idosa com mais de 80 (oitenta) anos. O comportamento dessa promotora, no caso enfocado, extrapolou e excedeu dos limites que uma fiscal da lei, merecedora, portanto, de uma punição disciplinar por parte da Corregedoria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome