Novo presidente do Banco do Nordeste é destituído um dia após tomar posse

0

Um dia após assumir a presidência do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) nessa terça-feira (2), Alexandre Borges Cabral foi destituído do cargo. A exoneração foi aprovada nesta quarta-feira (3), durante reunião do conselho administrativo. Por enquanto, fica interinamente na presidência da instituição Antônio Jorge Pontes Guimarães Júnior, diretor financeiro e de crédito do BNB, cargo o qual ele ficará acumulando até que seja eleito novo presidente definitivo.

A investigação, divulgada na terça pelo Estadão, teria influenciado a decisão. Durante a posse, Alexandre chegou a criticar uma jornalista do veículo, afirmando que não havia sido indicado pelo Partido Liberal (PL), liderado pelo ex-deputado Valdemar Costa Neto, e assumiu o cargo “por critérios técnicos”.

Ele afirmou ainda que não era apadrinhado político e criticou a imprensa por divulgar possível indicação pelo Partido Liberal (PL), liderado pelo ex-deputado Valdemar Costa Neto. “Essa história de dizer que é indicação política é fake news”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome