Nova temporada do espetáculo ‘Chico e Flor contra os monstros na Ilha do Fogo’ estreia neste sábado no Teatro Dona Amélia

0

chico e flor - foto lizandra martinsO Teatro Dona Amélia, no Sesc Petrolina, receberá a segunda temporada do espetáculo ‘Chico e Flor contra os monstros na Ilha do Fogo’. A peça será apresentada neste sábado (3/10) e domingo (4/10), além do próximo final de semana (dias 10 e 11), em comemoração ao mês das crianças, sempre às 17h. O texto e a direção do espetáculo é de Antônio Veronaldo, que tem no elenco Paulo Junior e Juliene Moura, e na produção executiva Cristiane Crispim e Marcos Aurélio Soares. O espetáculo é uma realização da Cia Biruta.

‘Chico e Flor contra os monstros na Ilha do Fogo’ conta a história do barqueiro Chico, que já navegou o rio de cima e o rio de baixo e conhece o São Francisco como a palma da mão. Ancorado nas margens do rio médio vive entre a realidade e a fantasia, almejando um dia voltar a encontrar seu pai e sua mãe, que sumiram em uma noite de chuva sobre as águas do rio. Para isto tem que realizar uma missão: destruir os monstros na Ilha do Fogo, pois assim libertaria lendas que levariam a reencontrá-los.

Flor é amiga de Chico, uma menina cheia de curiosidade, sapeca e destemida, que ao conhecer a história do barqueiro deseja unir-se a ele nessa aventura. Chico, depois de convencido da coragem de Flor, a prepara em um intenso treinamento de uma verdadeira batalha, na qual apresenta a ela seus conhecimentos sobre as lendas e histórias encantadas do universo popular ribeirinho e também sobre os monstros que assombram o imaginário – e a realidade – popular do passado e do presente. Depois de preparados, seguem para enfrentar o grande perigo e lutar.

É uma história de mistérios, superação, amizade e aventura que promete estimular a imaginação da criançada ao apresentar riquezas da nossa cultura, histórias de magia e a fantasia que revelam um olhar especial sobre a natureza e as relações construídas em seu entorno.

É preciso falar da gente e deste rio, que é um tesouro que precisamos cuidar, e a Ilha do Fogo é um lugar especial para o povo de Petrolina e Juazeiro. Aliás é bom lembrar que a Ilha é do povo de Petrolina e Juazeiro e precisa ser valorizada por todos nós. É um espaço de um potencial incrível por todas histórias, do passado e de hoje, que nela se banham e se encontram”, diz o diretor Antônio Veronaldo, ao relatar a importância de se criar sobre elementos da paisagem local e assim voltar os olhos para ela.

Ingressos

Os ingressos, que custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia), estarão disponíveis no próprio teatro, nos dias das apresentações. Outras informações podem ser obtidas através dos telefones (87) 98847-2239/99651-6928. (foto: Lizandra Martins/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome