Nora acusa clínica particular de Juazeiro de se recusar a fazer consulta em seu sogro debilitado; unidade médica rebate e diz que ela “se enganou” com a data

0
(Foto: Ilustração)

Uma clínica particular de Juazeiro (BA) está sendo acusada de negar prestação de serviço a um paciente. A denúncia partiu de uma leitora do Blog, que procurou a reportagem para relatar que a clínica – localizada no Centro da cidade – se recusou em realizar atendimento a seu sogro, um idoso de 77 anos, que está passando por vários problemas de saúde. O fato teria ocorrido na tarde de hoje (28).

Segundo ela, a consulta estava marcada para as 15h, mas quando ela chegou à clínica Medivale ficou sabendo que seu sogro não seria atendido, pois a consulta seria para a quarta-feira (29). “Meu sogro saiu da UTI na semana passada e está com falta de ar, andando de muletas, e eles se recusaram a atendê-lo”, afirmou, dizendo que pagam um plano de saúde “caríssimo”.

Moradora do Bairro Gercino Coelho, zona leste de Petrolina, ela disse que ninguém na clínica se comoveu com a história do seu sogro. “Ele está só com um rim funcionando, mas ninguém se comoveu. Vai ser preciso eu arrumar uma pessoa para ir com ele amanhã, pois não poderei ir”, disse ela, afirmando que vai acionar o Conselho Regional de Medicina (Cremeb).

Outro lado

O Blog procurou a clínica Medivale e foi informado que a consulta do idoso foi marcada para esta quarta-feira (29), e que a nora do paciente “se enganou” com a data, mas tudo está registrado no sistema da clínica, caso seja preciso provar. Como a clínica estava cheia – inclusive com pacientes de urgência – não foi possível fazer a consulta.

A clínica garantiu que a consulta do paciente está agendada para as 15h de amanhã, quando ele será atendido normalmente. A orientação quando os pacientes estão sentindo muitas dores é procurar um clínico geral, para ser medicado e voltar para fazer a consulta. A unidade médica ressaltou que “não houve” recusa no atendimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome