“Música Legal” quer defender cultura cotidiana de Petrolina

por Carlos Britto // 04 de julho de 2012 às 21:34

A Câmara Setorial de Música do Conselho Municipal de Cultura de Petrolina (PE) realiza amanhã (5) às 9h o projeto “Música Legal”, na Tenda Cultural da Praça do Bambuzinho, no Centro da cidade. O projeto contará com manifestações culturais e a presença de várias bandas independentes locais.

A iniciativa pretende divulgar as principais reivindicações da Câmara ao poder público municipal referentes ao setor, como a construção do Plano Municipal de Cultura e a liberação de seus recursos; a realização do Festival Geraldo Azevedo, que não acontece há três anos; maior reconhecimento governamental e valorização ao segmento musical local; e o lançamento de editais para o apoio a projetos de incentivo à difusão cultural e formação de público.

Segundo informa a assessoria de comunicação da prefeitura, o Conselho Municipal de Cultura, cujos membros foram empossados em 31 de maio deste ano, tem como algumas de suas principais funções fiscalizar, propor, planejar, aconselhar e ainda deliberar ações de política pública de forma continuada entre gestões.

“Música Legal” quer defender cultura cotidiana de Petrolina

  1. POLEMICUS disse:

    A melhor Banda do Brasil: Roupa Nova – “A Lenda”. SERÁ??
    http://www.carlosbritto.com/a-melhor-banda-do-brasil-roupa-nova-a-lenda/
    Ton & Tornado
    em 4 de julho de 2012 às 9:35 disse:
    É isso aí, diatribe!

    Estou rindo até agora, com a afirmação que Bob, Cience, Renato Russo morreram de overdose, kkkkkkkkk.
    Tome ciência: morreram de câncer, acidente automobilístico e AIDS, respectivamente.

    Mas é o próprio Bob que responde à medíocre hipócrisia:

    “É melhor atirar-se à luta em busca de dias melhores, mesmo correndo o risco de perder tudo, do que permanecer estático, como os pobres de espírito, que não lutam, mas também não vencem, que não conhecem a dor da derrota, nem a glória de ressurgir dos escombros. Esses pobres de espírito, ao final de sua jornada na Terra não agradecem a Deus por terem vivido, mas desculpam-se perante Ele, por terem apenas passado pela vida.” Bob Marley

    Ou ainda Janis Joplim (essa morreu de over) que em entrevista disse que “É melhor viver, Dez anos de uma vida efervescente do que morrer aos setenta e ter passado a vida assistindo Tv”.
    Também Vinivius de Morais bradou: “ah, não existe coisa mais triste que ter paz e se arrepender e se consolar e se proteger de outro amor amar”.

    Você é um cara super-humano, Diatribe! É bom ver homens, como você, saindo da caverna da mediocridade pra nos dar um pouco de luz.

    E pra encerrar, é Renato Russo que também torna-se nosso porta-voz das nossas ideologias e diz: “não tomos tempo a perder (…) somos tão jovens”.
    Ainda lhe lanço uma pergunto, senhorita idosa de espírito: Se a vida é curta, o que seria de nós, verdadeiramente jovens, que somos muito vivos?
    Reflita…

  2. antonio veronaldo disse:

    Parabéns a todos que participaram da câmara setorial de musica na praça do bambuzinho
    principalmente ao presidente do conselho municipal de cultura Maercio Jose que vem organizando o segmento de musica na cidade mostrando ao poder publico que os artistas dessa cidade existem e tem mais força que imaginamos,vamos a luta a mobilização continua e não vai parar ate que escutem a nossa voz!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *