Movimento ‘A Ordem é Para Todos’ lança em Petrolina pré-candidatura de advogado à presidência da OAB local

0

Integrantes do Movimento ‘A Ordem é Para Todos’ voltaram a Petrolina, na sexta-feira (2), e reuniram uma centena de advogados para lançar a pré-candidatura de Ivan Galvão à Ordem dos Advogados de Pernambuco (OAB-PE)/Subseccional Petrolina, além de Paulo Santana para o Conselho Federal. Durante o encontro, também foi lançada a pré-candidatura de Jefferson Calaça e Raíssa Braga à presidência e vice-presidência, respectivamente, da OAB-PE. As eleições acontecem em novembro.

Em entrevista exclusiva ao Blog, Jefferson Calaça disse que A Ordem é Para Todos já percorreu mais de 60 cidades do interior do Estado e conquistou uma legião de advogados. “Já visitamos mais de 60 cidades e temos mais de dois mil simpatizantes. O movimento tem um compromisso firmado com a advocacia de todo Estado e não apenas com a capital. A Ordem é Para Todos é um movimento plural, não temos submissão a qualquer partido [político] e defendemos o combate à precarização da classe”, frisou.

Os principais pontos defendidos por ele são a instituição de um piso para a categoria – também defendido pelo movimento desde quando surgiu, em dezembro do ano passado – e um portal de transparência da Ordem, além de paridade de gêneros, preservação das prerrogativas do advogado, redução na anuidade (hoje de R$ 695,00) e o fim do bloqueio de bens por atraso no pagamento dela.

A advogada Raíssa Braga – primeira mulher candidata a vice-presidência da OAB-PE vinda do interior (ela é de Belo Jardim) – defendeu uma atenção maior da OAB com os advogados do interior do Estado e uma atuação mais abrangente das advogadas. “Temos o compromisso de defender a classe em todo o Estado, não somente na capital. A mulher não é vista pela OAB como deveria. Essa é uma maneira de inovar, através da presença feminina, que a mulher tem que ter vez e voz”, salientou, frisando que uma das metas também é “combater a desvalorização da classe.


Calaça afirmou que, além das viagens ao interior, o grupo está sempre conectado, com atuação diária nas redes sociais. Esta, segundo ele, é forma de garantir mobilização em torno dos pré-candidatos. Atualmente, contabilizam mais de 20 grupos de WhatsApp e uma página no Facebook com mais de 10 mil curtidas.

Fazendo históriaadvogados4

Pela primeira vez na história da OAB, também um advogado do interior do Estado de Pernambuco – mais precisamente de Petrolina – vai concorrer ao Conselho Federal. Trata-se de Paulo Santana, que quer democratizar a classe. “Temos que cadastrar [os advogados] para dar mais oportunidade de trabalho aos colegas. Nós temos que credenciar esses advogados, lançar editais, fazer rodízio, para que todo mundo tenha oportunidade [de trabalho]”, sugeriu, referindo-se à proposta defendida por Jefferson Calaça, que é a de contratar escritórios de advogados nas subseções, para profissionalizar a defesa das prerrogativas dos advogados, pois hoje em dia quem faz esse serviço é a própria OAB. Nos próximos dias você vai conferir uma entrevista completa com o advogado e candidato ao Conselho Federal, Paulo Santana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome