Miguel e FBC mobilizam prefeitos aliados da região para intensificar campanha da Frente das Oposições de Pernambuco

11
Foto: Ivaldo Reges/divulgação

Prefeitos, ex-prefeitos e vereadores de cerca de 40 municípios do Sertão se encontraram em Petrolina, nesta sexta (28), para intensificar o ritmo da campanha eleitoral em torno dos candidatos da Frente das Oposições a governador, Armando Monteiro Neto (PTB), e ao Senado, Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB). O grupo foi mobilizado pelo prefeito Miguel Coelho (PSB) e o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), que articulam o bloco na região sertaneja de Pernambuco.

Durante a reunião, as lideranças políticas firmaram o compromisso de aumentar o volume de eventos, caminhadas e comícios no Sertão nos últimos dias da campanha. A estratégia, com isso, é buscar votos dos indecisos na reta final e ampliar a força de Armando Monteiro na região, que tem crescido nas últimas pesquisas. “O povo sertanejo está demonstrando a rejeição ao atual governo. A gente já sabe que, no Sertão, nosso bloco lidera as intenções de voto. Agora, precisamos aumentar a campanha porta a porta para ampliar essa liderança de Armando e quem sabe surpreender vencendo já no primeiro turno”, afirmou Miguel Coelho durante o encontro.

Já o senador Fernando Bezerra lembrou que o cenário deste ano se assemelha às eleições de 2006, quando o Sertão foi decisivo para uma virada na votação para governador. “Naquela oportunidade, foi a primeira vez que um candidato da oposição ganhou no Sertão. Dessa vez, será Armando que vai arrancar nessa fase final. Eu tenho certeza que o povo quer mudar o que está aí e o Sertão vai liderar essa mudança que todos os pernambucanos desejam”, garantiu o senador.

Foto: Ivaldo Reges/divulgação

Além de representantes da oposição, o encontro teve participação de lideranças políticas dissidentes do grupo de Paulo Câmara, como o prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT), e o ex-prefeito de Lagoa Grande, Dhoni Amorim. Duque criticou o atual governo e reforçou o discurso de confiança na mudança com Armando Monteiro.

Estão usando o nome de Lula para salvar esse governo, que tem sido um desastre. Pernambuco vive um dos piores momentos de sua história, nós não temos governador. Como Miguel nos conclamou, temos uma responsabilidade de, até o dia 7 de outubro, liderar nossas cidades para eleger Armando Monteiro”, reforçou o petista.

11 COMENTÁRIOS

  1. Paulo nao é la grande coisa, mas perto destes, a turma de Temer, voto sem pestanejar. Serão derrotados: Armandao, Mendoncinha e Bruno Araújo, e, em 2020, Petrolina dará outra resposta.

  2. Esse aí não vai eleger nem o filho. Esta porque ficou papudo. O PT que o projetou, após foi Eduardo Campos, senão ficava desempregado. Hj tá no seu lugarzinho com temer, e que tem vergonha de pronúncia lo nos seus discursos\

  3. Está preocupado a família dos Coelhos, vão perder a boquinha, no governo estadual e para presidente.
    Rumo a vitória Paulo Câmara, estamos com vc. 2020 petrolina vai mudar.

  4. Os melhores candidatos para Petrolina e região são Fernando Filho e Antônio Coelho. Fortalecer o grupo de Fernando Bezerra Coelho é fortalecer nossa região. Enfraquecê-lo seria tornar a região do São Francisco esquecida e abandonada. Por isso em outubro é 2501 e 25.000.

  5. FBC já está no desespero… Pernambuco precisa continuar com Paulo Câmara por conta da turma de Temer essa turma é perigosa pra Pernambuco… Bolsonaro 17 pra mudar essa República…. Bolsonaro 17

  6. Pra botar os filhos é porque a boquinha é muito boa. Esses coelhos são tão infiéis e pulam tanto de lado que não divulgam nem a foto do candidato Alckmin nas campanhas pelo fato deste não ter a mínima condição de vencer.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome