Mãe de Beatriz Angélica será lançada pré-candidata pelo PSOL nas eleições 2018

11

Em ato político-cultural marcado para o próximo dia 20 de maio, o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) de Petrolina fará a apresentação das pré-candidaturas para as eleições deste ano. O evento acontecerá às 18h, no Neuman Hotel, Centro da cidade.

Entre os nomes dos pré-candidatos está o de Lucinha Mota, mãe da garota Beatriz Angélica, que foi barbaramente assassinada durante um evento festivo no Colégio Maria Auxiliadora, onde estudava, em dezembro de 2015.

11 COMENTÁRIOS

  1. Não vai ter meu voto nunca, sua filha foi uma vitima, que deixou tds comovidos e muito indignados, ai como o Jorge falou ae “Entrou num partido que defende coisas erradas”

  2. É cidadã, combativa, não desiste facilmente, tem brios , segundo a Constituição tem direito a votar e ser votada …Qual o problema em se candidatar se tem um perfil público melhor que todos os que se apresentaram como proponentes até agora ? Então ter uma filha morta de uma forma tão cruel é uma contraindicação para se candidatar ? Se alguém pensa assim precisa urgentemente mudar os paradigmas e parar de fazer comentários tolos!

  3. Eu não sou contra esta senhora se candidatar. Ela é cidadã e tem esse direito. Mas me deixa perplexo saber que ela concorrerá pelo PSOL. Somente o fato de essa legenda ser composta por gente que, em sua maioria, defende o aborto, já deveria ser motivo mais do que suficiente para qualquer cidadão decente não perder tempo com essa gente. Esquerdistas fingem lutar pelo povo, quando na verdade lutam contra nossos mais caros valores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome