Jerônimo faz reunião de planejamento estratégico com equipe da Educação

por Carlos Britto // 08 de janeiro de 2023 às 14:00

Foto: Manu Dias/GOVBA

Na manhã deste domingo (8) o governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, reuniu-se com a secretária da Educação (SEC), Adélia Pinheiro, e outros representantes da pasta, para avaliar o cronograma do planejamento estratégico do ano letivo de 2023. Além disso, foram traçadas as metas para os próximos 100 dias de gestão. O encontro aconteceu no Centro de Operações e Inteligência da Segurança Pública (COI), no Centro Administrativo.

Para Jerônimo, o momento é de estruturação das metas. “A educação é prioridade neste governo. Em pleno domingo nós estamos aqui discutindo o planejamento, revendo os detalhes para que 2023 seja um ano produtivo, que motive os alunos e as famílias em torno da educação”, declarou.

Entre outros assuntos discutidos estão ainda a matrícula online, que será iniciada no dia 16 e segue até 24 de janeiro, e formas de aprimorar o modelo de matrícula virtual para garantir o melhor acesso ao ingresso de crianças e jovens à rede estadual. Também foi estabelecida a meta de busca ativa para diminuição da evasão escolar em 2023 e do novo padrão de escolas de ensino de tempo integral.

No tópico da evasão escolar, o governador também dialogou com o setor de planejamento e gestão da SEC, presente na reunião, sobre a otimização da produção de dados de matrículas e abandono escolar durante o ano letivo. O objetivo é o controle e melhoria dos resultados.

Metas para os próximos 100 dias

Durante a reunião foram definidos eixos estruturantes para nortearem o projeto da Educação em 2023. No primeiro trimestre foram definidos planos para a alimentação escolar; programa de escolas públicas sustentáveis, com implantação de usinas solares, cisternas e biodigestores nas escolas; programa de educação digital para os alunos e gestores das escolas; o bolsa presença; educação profissional, entres outras ações.

Aproveitamento da estrutura

O objetivo é pôr em prática um plano pedagógico que contemple o aproveitamento de todas as possibilidades das estruturas construídas e reformadas. Em Salvador, novas unidades já funcionam em Vila Canária, no Imbuí, Cabula, Paripe, São Cristóvão e Sussuarana. Outras escolas estão em fase final de execução nos bairros do Lobato e Jardim Cajazeiras.

No Interior, entre os municípios que também contam com novas escolas, estão Riachão das Neves, Camaçari, Valente, Andaraí, Vera Cruz, São Gabriel, Malhada, Luís Eduardo Magalhães, Teixeira de Freitas, Santana, Senhor do Bonfim, Capim Grosso, Prado, Irecê, Vitória da Conquista, Iramaia, Amélia Rodrigues e Serrolândia. Em outras cidades, seguem em andamento obras de construção, requalificação e modernização das unidades de ensino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.