Jaques Wagner anuncia contenção de gastos

por Carlos Britto // 17 de fevereiro de 2009 às 16:00

O governador Jaques Wagner (PT) revelou, nesta segunda-feira, 16, durante entrevista coletiva após a abertura dos trabalhos legislativos na Assembleia Legislativa (AL) que haverá contingenciamento nas finanças do Estado em razão da crise. Na leitura da mensagem, Wagner preferiu enfatizar a preocupação com a crise e ressaltou feitos como o programa Água para Todos, crescimento do PIB baiano (Produto Interno Bruto).

Crise – Wagner disse que o contingenciamento é uma medida “acautelatória” e que será evitado o corte em áreas prioritárias. “Em tempos de aperto a gente tem que olhar muito bem onde coloca cada real do dinheiro público porque será um ano de retenções. Assim como em outros Estados, a Bahia, que depende de exportação, sofre”.

Embora Wagner tenha afirmado que prefere, nesse momento, se preocupar em administrar os problemas da crise, e que “a pauta do governador esse ano é uma agenda de gestão”, o governador se contradiz quando comenta que “quanto mais fizermos em 2009 melhor será nossa condição em 2010”.

Wagner disse ainda que a relação com o PMDB “continua normal”, embora tensa em alguns momentos. “Para o presidente Lula e para mim essa aliança é boa e importante”, resumiu.

Fonte: A Tarde online

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *