Governo de Pernambuco confirma novo comandante do 5°BPM

5

nomeação ricardo peres 5°BPM

Como já acenavam os rumores, o Governo de Pernambuco confirmou o nome do tenente-coronel Ricardo Peres da Silva como novo comandante do 5°Batalhão de Polícia Militar (BPM) em Petrolina.

Ricardo Peres volta a assumir a corporação, em lugar do tenente-coronel Isaac Guerra, que foi exonerado do cargo em meio a muita polêmica na cidade.

A portaria com a designação de Peres, assinada pelo secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho, havia sido assinada desde a última sexta-feira (23).

5 COMENTÁRIOS

  1. A pergunta é: Quando é que essa cria de Eduardo Campos vai começar a governar Pernambuco? Já disse anteriormente (em outro comentário) que comandante não faz milagres. A escalada da violência tem uma explicação simples: o Estado Brasileiro perdeu a autoridade para combater o crime porque o país (os seus poderes) estão significativamente ocupados por bandidos, por corruptos. A diferença está tão somente no meio utilizado para pratica do delito. O bandido comum utiliza a violência, a grave ameaça, enquanto o bandido (excelência), o do colarinho branco, utiliza a caneta, a toga, os ministérios com o fim único e exclusivo para desviar dinheiro público, superfaturando obras, ficarem milionários, em detrimento da merenda escolar, do professor massacrado, que já não ensina mais por amor, ensina por necessidade e sem liberdade, sob a vigilância de secretários de educação, cuja ocupação do cargo é eminentemente cota de algum político.

  2. (Completa o comentário anterior. O Sistema não permitiu o inteiro teor)
    Não sou pessimista. No entanto, penso que Petrolina (a cidade da exploração imobiliária), do narcotráfico, do caos no trânsito (sinônimo da falência do transporte público) e do ataque ao seu mais precioso bem ( o Rio São Francisco), tomado por esgotos, e morrendo sob os nossos olhos, esta cidade (antes maravilhosa) começou a conviver e apresentar sérios problemas antes visto apenas nos grandes centros. É hora de se trabalhar Petrolina, para que não se torne insuportável. (Substitui o comentário anterior, visto que incompleto)

  3. Não entendo a polêmica em torno da exoneração do comandante, todos os dias vejo a imprensa e a população reclamando da segurança pública em Petrolina, então, se o comando não está funcionando, é melhor trocar!! Ai agora depois que troca, vem a população e a imprensa falar mal do governo porque trocou. Alguém entende? Nota-se porquê o Brasil está afundado no caos!! Concordo que o coronel é gente boa, é querido e tal, mas estamos falando da Gestão que não funcionou, então Guerra, boa sorte em outro comando!

  4. Pra mim já vai é tarde!!! Não conheço pessoalmente, não posso falar bem ou mal desse senhor aí. Mas eu sei que quando precisei da polícia militar enquanto ele esteve na gestão, ela nunca me serviu ou me foi útil.

    Mas também, o número que eu tenho da PM é o 190, é o número que nós pobres mortais temos que ligar, e convenhamos é mesmo que nada!!! Dizer se ele geriu bem o atendimento à população carente que depende do 190, isso eu posso dizer com propriedade. NÃO geriu, pra mim então e pra muita gente dos bairros periféricos a estadia dele na cadeira de gestor foi muuuuito é demorada, foi uma INgestão.

    Mas eu não tenho dúvidas que para esse pessoal ai que se manifestou contra a saída desse heroi, a polícia militar serviu muuuuito bem, inclusive fazendo muito mais que sua atribuição de zelar pela segurança pública, zelando inclusive pela segurança privada, ainda que não seja seu papel. É uma pena que esse pessoal que se manifestou não utilize o 190, pois muito provavelmente todos devem ter o telefone pessoal do tal comandante, pois se usassem o 190 estariam agradecendo a Deus a saída desse senhor. É muito fácil perceber que só quem chorou sua saída foi gente do centro, da orla.. Gente “impotante”.

    Eu desejo sorte ao rapaz que vai assumir a cadeira, espero que ele tenha olhos pra população que realmente precisa de policianento ostensivo, patrulhamento nos bairros e não só blitz de brincadeira, pontuais e sem efeito prático, só servem pra população de bem ser ludibriada, achando que tem polícia na rua e trabalhando, balela!!! Mala não cai nessa bobagem não. Espero que crie mecanismos para fiscalizar o atendimento no 190 para que uma chamada recebida não chegue no soldado que atende e pare nele mesmo, que exija relatórios, que exija que uma viatura seja mandada pra qualquer ocorrência, em qualquer horário, por menor que seja, pois de uma ocorrência de som alto que a polícia não surge para reprimir, pode haver evolução para uma briga de vizinhos e uma posterior fatalidade, desejo que ele não realize laços somente com os lojistas e políticos da cidade, que não deixe a polícia somente no centro, na orla e na areia branca.

    Assim ele terá o meu apoio e o de 90% da população, que não tem voz como tem os 10% que se manifestaram, mas que é tão gente quanto eles.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome