Gonzaga Patriota apresenta a diretores da CDL Petrolina projeto de interligação dos Rios São Francisco e Tocantins

4

Quem fez uma visita à diretoria da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Petrolina, na noite de ontem (4), foi o deputado federal Gonzaga Patriota (PSB). Recebido pelo presidente da CDL, Manoel Vilmar, e pelo diretor executivo Valdivo Carvalho, o parlamentar apresentou-lhes os detalhes da revitalização do Rio São Francisco a partir da interligação com o Rio Tocantins. O Projeto de Lei nº 6.569/13 já foi aprovado pelo Ministério da Integração Nacional.

“Isso nos deixa esperançosos, pois quem ganha é o Nordeste, e principalmente as cidades banhadas pelo rio. A CDL está à disposição para apoiar os projetos de interesse ao desenvolvimento econômico do nosso município”, destacou Manoel Vilmar.

Valdivo Carvalho complementou: “A CDL é uma entidade que se preocupa com o desenvolvimento econômico e social da nossa região, quer contribuir dentro das nossas condições. Gonzaga foi muito prestativo em aceitar os apoios e muito direcionado em conduzir esse projeto até a sua finalização”.

No mês de junho, o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, apresentou ao deputado o Projeto de Viabilidade de Revitalização do Rio São Francisco, elaborado pela empresa EngeSoft Engenharia, nos parâmetros do Projeto de Lei nº 6.569/88 (atualizado), de autoria do deputado socialista.

“Fiquei muito feliz por ser recebido pela CDL para tratar desse assunto. É importante dizer que esse trabalho nunca foi isolado. Tem 27 anos, é de 1990. Tivemos algumas paralisações, mas, ultimamente, em razão da necessidade, estamos recebendo apoios da bancada de Pernambuco, tratando desse assunto com o ministro da Integração Nacional. E vamos ter, possivelmente, no final do mês de agosto, uma reunião da bancada do Nordeste. E se essa bancada do Nordeste viabilizar os recursos do Orçamento de 2018, o projeto pode ficar pronto em 2018“, completou.

Captação

De acordo com a proposta de Gonzaga, a captação será feita diretamente do Rio Tocantins, depois pelo Rio do Sono, terá transposição pela Lagoa Três Rios (TO), destinando-se ao Rio São Francisco pelo Rio Sapão (BA) e, depois, pelo Rio Preto (BA).

4 COMENTÁRIOS

  1. Vejam que esse projeto é de extrema importância, somente o Dep. Gonzaga luta por isso, inclusive deveria ter sido feito antes da transposição das aguas do São Francisco. Mas ai entra a chamada indústria da seca, a maioria dos políticos não tem interesse em resolver o problema da seca no NE, são bilhões enviados para combater a seca no NE e na verdade essa “dinherama” acaba indo pra empreiteiras, Sudene presidida por políticos, etc. Retorna para o bolso de políticos corruptos convertidos em propinas. Hoje milhões de pessoas e projetos de irrigação do NE dependem do Rio S. Francisco.

  2. Louvável a luta de Gonzaga. Veja bem, nunca apoiei nem pretendo apoiá-lo politicamente, mas é bastante nítida a importância desse projeto. Vocês acham que o Rio vai aguentar por quanto tempo mais? A cada ano que passa a situação piora e nada é feito.
    Acho estranho um projeto de tamanha importância para nossa região não ter atenção quase que nenhuma dos políticos e de nossa sociedade. Será que vão deixar pra fazer isso quando o Rio secar de vez?

  3. A situação do Tocantins está pior que a do São Francisco. Os grandes produtores de soja estão acabando com o nascedouro do Rio Tocantins. Que se faça primeiro a revitalização e coíba a ação dos produtores predadores para depois se pensar em transposição.

  4. Mais um projeto que será fonte de corrupção! É mais econômico a população ir onde tem água do que gastar bilhões que vai encarecer esse produto. No final vai sobrar para a viúva. Ou seja, vai cair no colo de quem já paga muito tributo: o cidadão!

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome