Gestora da AMMA ministrará palestra amanhã em Brasília sobre licenciamento para usinas heliotérmicas

2

denise lima - amma

A gestora da Agência Municipal do meio Ambiente (AMMA) de Petrolina, Denise Lima (foto), ministrará amanhã (15), em Brasília, uma palestra sobre licenciamento para usinas heliotérmicas. A palestra será realizada durante a realização do Seminário “Sugestões de Diretrizes para a adequação do Licenciamento Ambiental – o caso das Heliotérmicas”, promovido através de uma parceria entre os ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação; do Meio Ambiente, além da Agência de Desenvolvimento Sustentável da Alemanha (GIZ). O evento – que acontecerá durante todo o dia – tem como proposta debater instruções e sugestões que possam colaborar na composição dos requisitos específicos para a obtenção da licença ambiental deste tipo de empreendimento.

Denise Lima foi convidada a participar como uma das palestrantes, para evidenciar os mecanismos de licenciamento de usinas heliotérmicas no semiárido brasileiro. “Uma honra poder levar nossas perspectivas para debater com especialistas de várias partes do Brasil e do mundo, onde teremos a oportunidade de trocar informações e estabelecer protocolos de implantação de empreendimentos deste porte, que representam a geração sustentável de energia”, pontua a gestora da AMMA.

A energia heliotérmica, também conhecida como energia limpa, é obtida através dos raios solares. Espelhos refletem essa onda em um único ponto e, quando grande quantidade é acumulada, passa a gerar eletricidade. Desde maio de 2008, o Brasil possui um acordo bilateral de energia com a Alemanha, país que detém conhecimento técnico e práticas com a utilização deste tipo de energia. Pesquisas já vêm sendo desenvolvidas conjuntamente e, a cidade de Petrolina, terá a primeira usina do Brasil. A escolha da cidade sertaneja se deu, dentre outros fatores, pela posição estratégica e alta intensidade de raios solares durante todo o ano. A usina heliotérmica de Petrolina deverá produzir 1 megawatt de energia. Além disso, deverá servir como base de pesquisa para novas tecnologias.

O projeto consagra Petrolina como roteiro de mais uma potencialidade, o segmento das energias renováveis como fonte de oportunidade e desenvolvimento da região. O sol aqui é um bem que temos de mais preciso, a nossa cidade dispõe de infraestrutura adequada para sermos precursores no Brasil”, destaca Denise Lima. (foto: Ascom AMMA/divulgação)

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

15 + onze =