Familiares de paciente denunciam macas em corredores e acompanhantes dormindo em papelão no Hospital Universitário

1
Foto: Do Leitor/ 3º andar do hospital

Familiares de um paciente internado no Hospital Universitário (HU) de Petrolina, referência para os casos de alta e média complexidade na região, denunciaram ao Blog que a unidade hospitalar está com superlotação e “escondendo” as filas de pacientes nos hall e corredores do prédio para deixar uma “boa imagem” sobre a administração. Eles registraram a frente da lanchonete do hospital onde aparecem diversos pacientes em macas. (veja a foto abaixo)

Um dos parentes disse à reportagem que antes os internados eram levados para as enfermarias apenas com leitos desocupados, mas agora estão sendo deixados em qualquer área do HU. Segundo o leitor, a situação tem provocado desconforto até nos profissionais da unidade, que se queixam da “inexistência de segurança mínima para trabalhar no local”.

Outra denúncia contra a unidade, ainda de acordo com o leitor, é o tratamento “desumanizado” reservado aos pacientes e familiares.  “Os corredores estão lotados de pacientes em macas no chão e acompanhantes dormindo em papelões. A grande parte fica principalmente na Ortopedia”, afirma.

A administração do hospital estaria orientando funcionários a “esvaziar” os corredores inferiores do prédio como uma “malandragem pra mostrar que está boa a gestão”. O problema, prossegue o leitor, é que nas “clínicas, a equipe é reduzia, deixando o paciente como se estivesse internado lá”, finaliza.

Foto: Do Leitor/ Em frente à lanchonete do HU

O Blog vai buscar o Hospital Universitário de Petrolina para comentar sobre a denúncia e indicar quais providências a serem tomadas.

1 COMENTÁRIO

  1. Enquanto não resolverem à questão dos números alarmantes de acidentados de motos na nossa região, podem fazer mais 10 hospitais de Traumas desses e não irá resolver a questão da superlotação.

Deixe uma resposta para Francisco Cavalcanti Cancelar resposta

Comentar
Seu nome