Família é amarrada e queimada viva em Feira

por Carlos Britto // 28 de dezembro de 2008 às 16:31

Cinco pessoas de uma mesma família foram amarradas e queimadas vivas na noite de quinta-feira, no bairro de Luma Torres, periferia da cidade de Feira de Santana, a 109 km de Salvador. A adolescente Jéssica Silva Saturnino, 16 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã de ontem. Gabriel Nascimento, 34 anos, Gideão Silva Saturnino, 20 anos, Jandira Anunciação Barbosa, 40 anos, e Jocilene Barros da Silva, 23 anos, sofreram queimaduras de terceiro grau em 90% do corpo. Eles estão internados em estado grave no Hospital Geral do Estado e no Clériston Andrade, em Feira de Santana.
De acordo com informações do delegado Madson Sampaio, titular da 2ª delegacia de Feira de Santana, três homens armados invadiram a residência da família, situada no bairro da Galiléia, renderam e colocaram as vítimas num veículo e as levaram para o bairro de Luma Torres, local onde foram amarradas e queimadas. “Os autores já foram identificados. Um deles é um traficante muito conhecido na cidade. Ele estava preso há poucos dias no complexo policial”, disse.
O delegado acredita que o caso tenha relação com o tráfico de drogas, mas prefere não revelar os nomes dos envolvidos para não atrapalhar as investigações. “A hipótese é que tenham dívidas com o tráfico. A polícia só não tem informações sobre a substância usada para atear fogo nas pessoas”, afirmou.
A dona-de-casa Maria José dos Santos, amiga das vítimas, compareceu ao hospital, mas não soube informar qual seria a causa da tentativa de homicídio. “Fui vizinha de Jandira há mais de 20 anos. Vi os filhos Gideão e Jéssica nascerem. Eles são pessoas de bem. Estou chocada com o que aconteceu. Espero que os autores desse crime horrível sejam severamente punidos”, disse. Gabriel Nascimento foi transferido para o setor de queimados do Hospital Geral do Estado, na noite de anteontem.

Fonte:Tribuna da Bahia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.