Estou de volta a Folha de Pernambuco

3

O telefone toca, é do Recife

-“Tudo bem Carlos Britto? Olha, nós da Folha de Pernambuco temos uma pesquisa onde mostra que o Blog do Carlos Britto é o mais acessado de Pernambuco, não é só do Sertão, mas, do estado inteiro. Dr Eduardo Monteiro pessoalmente gostaria que voltasse a Folha e assinasse uma coluna com a gente”.

Dessa informação para o meu sim demorou meio segundo. Um profissional do interior reconhecido por um jornal imenso como a Folha de Pernambuco é de uma honra imensa. Um reconhecimento e um convite diretamente de Eduardo Monteiro, um apaixonado pelo jornalismo honesto, um guerreiro que mantem viva a chama do jornalismo impresso, então? nem tem como descrever.

Sou alguém que dorme bem tarde e acorda bem cedo. Que a diferença do domingo ou da segunda nem se evidenciam tanto, pois trabalho todo dia. Meu WhatsApp marca que leio mensagem, atendo e retorno ligações e todas as mensagens. Recebo mais de 560 e-mails por dias, mais inúmeras mensagens no direct e no zap. Vejo tudo.

Tenho agencia de publicidade, crio campanhas, dirijo filmes, tenho o Blog, faço programa e dirijo rádio e ainda faço um Mestrado, porque ainda quero lecionar. Vida de maluco.

No jornalismo busco a pauta, checo, checo novamente, vejo foto, edito, publico e ainda administro comentários. Mediar isso talvez dê mais trabalho que tudo. Tudo ao mesmo tempo, agora!

E eu amo tudo isso.

Voltar a Folha de Pernambuco, agora mais forte, anunciado na capa, assinando uma coluna politica tanto me honra como me desafia. Agradeço demais a confiança dos mais de cem mil leitores diários quase 60 mil no Facebook e aos 76 mil seguidores no Instagram. A frente, inclusive dos maiores canais de comunicação do sertão.

Se isso me envaidece? Me assusta todo dia, pelo tamanho que isso tomou e pela referencia que me tornei para a notícia, para os colegas e milhares de estudantes de comunicação que se espelham nesse case de sucesso.

A Folha de Pernambuco, sua diretoria, editorias e colegas o meu abraço e o meu compromisso em ser mais um soldado da informação.

A Eduardo Monteiro o meu respeito, meu carinho e minha total admiração pelo homem que não se rendeu aos duros embates da vida, as vantagens prometidas para facilitar as coisas e que se mantem forte em um mercado extremamente difícil. Mas acima de tudo por não ter olhos míopes enxergando somente a capital do estado, mas um Pernambuco inteiro. E que viu, lá na ultima cidade, na fronteira com a Bahia, que tem um jornalista muito simples, mas com o coração do tamanho do dele para fazer um jornalismo sério, ético e extremamente comprometido. Como ele pensa, como sonha e como pratica.

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome