Estado da Bahia terá mais quatro cursos de medicina. Univasf em Paulo Afonso está na lista

por Carlos Britto // 16 de julho de 2012 às 11:52

A Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), com sede em Santo Antônio de Jesus, é uma das quatro instituições de ensino superior contempladas pelo Ministério da Educação com um curso federal de medicina. As outras três são a Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOBA), em Barreiras; a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSBA), em Teixeira de Freitas, e a Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) em Paulo Afonso.

A UFOBA e a UFSBA terão, respectivamente,80 vagas; a Univasf terá 40 e a UFRB oferecerá 60. No total, serão 260 vagas. O curso da UFRB será no Centro de Ciências da Saúde (CCS) em 2013, segundo o reitor Paulo Gabriel Nassif. O projeto acadêmico já está pronto, informou o dirigente explicando que há uma grande dificuldade de preenchimento de vagas de médicos no interior do Estado.

“A vinda da graduação contribuirá para a mudança no quadro de carência de profissionais. Há uma concentração elevada de médicos na capital e o desafio é interiorizar o curso de medicina, inclusive no Recôncavo”, disse o reitor.

Estado da Bahia terá mais quatro cursos de medicina. Univasf em Paulo Afonso está na lista

  1. Gabriel disse:

    Amém! Já estava na hora do Governo tomar alguma atitude e tentar minizar o caos total que está a saúde neste país, nesta região, neste estado da Bahia. Precisamos de médicos, a doença não espera pra matar! Enquanto esperamos pela boa vontade de um médico milionário e sem necessidade nenhuma de atender o povo, pois só tem ele em determinada área, nós morremos!! Parabéns pela atitude do goverdo de não beneficiar uma classe em detrimento de toda uma população, é necessário mais profissionais no mercado, para que os que já existem possam atender melhor também.

    1. Dreda disse:

      Precisamos de médicos, mas de médicos preparados. Abrir 2500 vagas de uma vez como foi anunciado vai só baixar o nível da medicina no País. Acredite, nenhuma doença mata mais rápido do que um médico mal preparado. Por que faltam médicos no interior e sobram nas capitais? Por falta de condições de trabalho e salário adequado no interior, não por falta de pessoal. O que o governo quer é nivelar por baixo, fazer o que já fizeram com enfermeiros e técnicos de enfermagem: “se tu não quer pelo nosso preço tem quem queira”. Isso não vai melhorar em nada a saúde da população, pelo contrário.

      Recentemente vimos no Blog um protesto de estudantes de Garanhuns contra a cara-de-pau da UPE de abrir um curso sem as mínimas condições. Quinze dias depois era anunciada a abertura de outro campus da UPE, dessa vez em Serra Talhada. É esse o tipo de médico que o Governo quer formar? Você gostaria de ter seus parentes atendidos por um médico formado em um lugar que não tem nem hospital escola, com professores de baixo nível? Fica a pergunta. Quer fixar alguém no interior, dê boas condições de trabalho e remuneração que se atrai até os medalhões.

  2. Gabriel disse:

    Amém! Já estava na hora do Governo tomar alguma atitude e tentar minimizar o caos total que está a saúde neste país, nesta região, neste estado da Bahia. Precisamos de médicos, a doença não espera pra matar! Enquanto esperamos pela boa vontade de um médico milionário e sem necessidade nenhuma de atender o povo, pois só tem ele em determinada área, nós morremos!! Parabéns pela atitude do goverdo de não beneficiar uma classe em detrimento de toda uma população, é necessário mais profissionais no mercado, para que os que já existem possam atender melhor também.

    QUEM NÃO DÁ ASSISTÊNCIA ABRE PRA CONCORRÊNCIA!

  3. Nois na fita disse:

    A sigla UFOBA ficou legal….

    1. Seu Lula disse:

      Também gostei

  4. Gabriel disse:

    É BONITÃO, ESSES SEUS ARGUMENTOS NÃO CONVENCEM NÃO. HÁ DIVERSAS BESTEIRINHAS QUE QUALQUER MÉDICO DESPREPARADO PODE FAZER E ESSAS COISAS NÃO SÃO FEITAS PORQUE NÃO TEM MÉDICO DE JEITO NENHUM, UM SIMPLES (ENCAMINHAR) PARA UM ESPECIALISTA PODE SALVAR UMA VIDA, AGORA ESPERAR UMA CONSULTA POR 6, 7, 8 MESES COM UM GENERALISTA É QUE NÃO VAI SALVAR NINGUÉM. E POR QUE TODA ESTA ESPERA? PORQUE NÃO TEM MÉDICOS! QUEM QUISER QUE SE PREPARE DEPOIS, AGORA A GENTE PRECISA DE MAIS PROFISSIONAIS NO MERCADO, A DEMANDA É GRANDE E O POVO NÃO PODE FICAR A MERCÊ DE ALGUNS GATOS PINGADOS QUE GANHAM MUITO E AINDA ACHAM QUE ESTÃO FAZENDO UM FAVOR PARA A POPULAÇÃO.

    ABRAM OS OLHOS POVO, OS MÉDICOS NÃO FAZEM NENHUM FAVOR PRA POPULAÇÃO NÃO, ELES SÃO OS PROFISSIONAIS MAIS BEM REMUNERADOS DESTE PAÍS E POR ISSO É MAIS QUE OBRIGAÇÃO DELES DAR A MELHOR ASSISTÊNCIA POSSÍVEL, ATENDER DA MELHOR MANEIRA POSSÍVEL. O GOVERNO PAGA, E PAGA MUITO BEM PRA OS MÉDICOS MAL TRATAREM E DEIXAREM A POPULAÇÃO MORRER À MÍNGUA. ME PERDOEM OS POUCOS BONS PROFISSIONAIS QUE HÁ NA ÁREA, MAS ELES MESMO SABEM, QUE A MAIORIA QUER ENRICAR SENDO MÉDICO E A CONTRAPARTIDA QUE ELES DÃO PARA A POPULAÇÃO É FICAR DORMINDO NOS PLANTÕES DOS HOSPITAIS ESPERANDO SAIR DO PLANTÃO PARA PEGAR OS SEUS 4.000,00 MIL POR PLANTÃO.

    1. Médico em formação disse:

      Mais bem remunerados deste país… Vc é alienado assim mesmo ou tá sob efeito de algum alucinógeno?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *