Especialistas da UPAE e do HDM dão dicas essenciais para foliões durante o Carnaval

0

O Carnaval já começou, e ainda dá tempo para se preocupar em brincar com saúde e segurança. Por isso especialistas da Unidade de Pronto Atendimento e Atenção Especializada (UPAE) e do Hospital Dom Malan (HDM), ambos geridos pelo Imip em Petrolina, trazem dicas importantes para os foliões. Antes de tudo é preciso estar ciente de que folia boa é aquela em que os limites são respeitados e o direito do outro também. Então, a ordem é vestir-se de paz e alegria para curtir a festa mais popular do planeta.

As dicas são as seguintes:

1 – Hidrate-se e escolha alimentos saudáveis: Durante a folia é altamente recomendável ingerir líquidos. Isso é fundamental para que o corpo aguente brincar sob o sol. Então, beba muita água mineral, água de coco, sucos naturais da fruta e bebidas isotônicas para repor os minerais perdidos. Os alimentos devem ser frescos, de boa procedência e devem oferecer carboidratos e proteínas para o corpo.

2 – Use protetor solar: O excesso de sol causa desidratação, queimaduras na pele e piora os sintomas da ressaca. Assim, deve-se evitar ficar exposto ao sol, principalmente entre 10h e 16h, e sempre usar óculos escuros, chapéus e protetor solar, que deve ser reaplicado a cada 2 horas. Se puder, use protetor solar próprio para lábios e cabelos.

3 – Deve-se usar roupas leves e sapatos confortáveis para evitar o excesso de calor e a formação de calos e bolhas nos pés. Como normalmente fica-se muito tempo de pé durante o carnaval, o ideal é usar um tênis confortável com meia, e massagear os dedos e os pés no fim da noite ou no início da manhã.

4 – Não exagere no álcool, nem nos energéticos: As bebidas energéticas são ricas em cafeína, substância que pode causar insônia e atrapalhar o descanso do corpo para enfrentar um novo dia de festa. Além disso, tomar cafeína juntamente com bebidas alcoólicas pode causar arritmias e palpitações cardíacas, e piorar os sintomas de queimação no estômago e gastrite.

5 – Os cuidados devem ser redobrados com relação às crianças. Os pimpolhos não entendem os riscos, não sabem se proteger sozinhos e necessitam de toda a atenção dos pais e responsáveis. Respeite os horários de sono da criança e dê preferência a locais que tenham programação infantil, com banheiros limpos por perto.

6 – Só faça sexo seguro: O preservativo é a melhor forma de prevenir uma gravidez indesejada e evitar doenças sexualmente transmissíveis, como sífilis, herpes genital e AIDS.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome