Em Canudos, DJ Alok faz apelo sobre realidade de famílias carentes e lança projeto social

7
(Foto: Reproução/Instagram)

O DJ Alok usou seu perfil no Instagram para fazer um apelo aos seguidores sobre a realidade das famílias que moram no sertão baiano, através do seu apoio a inúmeras causas humanitárias. Na cidade de Canudos, no norte do Estado, Alok mostra uma realidade dura.

Semana passada conheci um Brasil que poucos enxergam. Uma realidade não muito distante do que vejo durante meus trabalhos com a Fraternidade Sem Fronteiras, na África. Conheci também um projeto lindo chamado Retratos de Esperança, que atua em parceria com a Fraternidade Sem Fronteiras em 12 regiões do Sertão da Bahia”, iniciou o músico.

Decidimos então criar um projeto chamado Vila da Esperança, para acolher algumas famílias da comunidade rural de Rio do Vigário, em Canudos, que vivem em situações extremas”, continuou.

O DJ ainda convidou o público para ajudar também no projeto. “Construção de casas, perfuração de poços de água potável com dessalinizadores para consumo e plantações, construção de um centro educacional multiuso E instalação de energia elétrica através de placas solares nas casas. Vamos juntos transformar vidas. Conto com vocês mais uma vez!”, completou.

(Foto: Reproução/Instagram)

(Fonte: RD1/Portal Terra)

7 COMENTÁRIOS

  1. Oxiii!E este povo não saiu da miséria, no tempo de Lula e Dilma,eles não falavam tanto que acabaram com a pobreza no Brasil,sei não,mais sei lá, e ainda chamam Lula pai dos pobres,só poque ele deu um esmola para enganar os mesmo,até hoje tem um bando de retardados que chamam ele de santo.

    • Tente fazer sua parte. Comentar na internet é fácil. Esses comentários sem conteúdo não ajuda nada, vai para porta de algum botequim que lá deve ter um grupo de pra nada discutindo políticas achando que detém de algum conhecimento.

  2. Alok não passa de um artista midiático, sempre atrás de um bom cartaz. Nosso Sertão tem sim pessoas que vivem de maneira humilde, pq são as que mais estão expostas ao negatividade do nosso clima, mas sempre que Deus manda chuva o sertanejo muda a realidade e passa a ter a sua “fartura” que o momento permite. Por isso, Alok, sugiro que procure as favelas do sudeste para fazer e EXPOR seus projetos de Humanidade, pois é lá que a galera vive em situação de extrema pobreza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome