Eduardo puxa a fila dos descontentes com redução do FPE

por Carlos Britto // 18 de janeiro de 2009 às 22:20

Governadores do Norte e Nordeste já têm na ponta do lápis números para confrontar os apelos do presidente Lula contra corte de gastos diante da crise econômica. Em reunião na próxima semana, eles mostrarão que o caixa dos Estados começou o ano pelo menos 11% mais magro em relação a 2008.

Os números constam da previsão de repasses do FPE (Fundo de Participação dos Estados) feita pela Secretaria do Tesouro Nacional. Em janeiro, o montante transferido pela União será de R$ 3,1 bilhões, contra R$ 3,5 bilhões do mesmo mês de 2008 (valores corrigidos).

O prejuízo é generalizado, mas a notícia atinge em cheio às regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, que detêm a fatia de 85% do fundo.

No vermelho. Quem puxa a fila dos descontentes é o governador Eduardo Campos (PSB-PE). Ele tem dito a congressistas que sua estimativa é de encolhimento ainda maior do repasse federal aos Estados: cerca de 20%.

Fonte: Folha de S. Paulo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.