Doze mil novos empregos federais, incluindo Petrolina e cidades próximas

por Carlos Britto // 30 de dezembro de 2008 às 08:13

A criação dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (Ifets) – por meio do projeto de lei sancionado ontem pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, aumenta em todos os Estados o número de vagas em cursos técnicos de nível médio, em licenciaturas e em cursos superiores de tecnologia.
Em Pernambuco serão instalados dois Ifets, que vão disponibilizar 12 mil vagas. Um dos institutos do Estado terá reitoria no Recife e o outro será sediado em Petrolina. Cada instituto federal é organizado em estrutura com vários campi, com proposta orçamentária anual identificada para cada campus e reitoria.
No Ifet com sede na capital pernambucana haverá nove campi, distribuídos por Recife e pelas cidades de Afogados de Ingazeira, Barreiros e Vitória de Santo Antão, Belo Jardim, Caruaru, Garanhuns e Pesqueira e Ipojuca. Já na sede administrativa do Sertão Pernambucano haverá outros cinco campi, sendo dois com sede em Petrolina e outros três em Floresta, Salgueiro e Ouricuri.

Os alunos dos Ifets serão incentivados a seguir a carreira de professor em cursos de conteúdos específicos da educação profissional e tecnológica, como mecânica, eletricidade e informática. Os Ifets também devem investir na área de pesquisa e extensão, estimulando o desenvolvimento de soluções técnicas e tecnológicas, com foco nos benefícios à comunidade local.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.