Documentário baiano que aborda problemas socioambientais provocados por mineradora em Campo Alegre de Lourdes, estreia nesta quinta

0

Nesta quinta-feira (1º/10), às 19h, será lançado o documentário ‘Ninguém observa? Sufocados pela poeira e ameaçados pelos grileiros’. O filme, de Thomas Bauer, da Comissão Pastoral da Terra da Bahia (CPT-BA), aborda os problemas socioambientais provocados pela mineradora de fosfato Galvani, assim como as tentativas de grilagem de terra no território tradicional de fundo de pasto de Angico dos Dias, em Campo Alegre de Lourdes (BA).

Em 24 minutos, o documentário apresenta relatos de moradores do Angico dos Dias e das comunidades vizinhas de Açu, Baixãozinho, Baixão Novo e Baixão Grande, também impactadas pela mineradora Galvani. São mais de 800 famílias convivendo com uma série de impactos socioambientais, a exemplo do desmatamento, poluição do ar, doenças respiratórias, contaminação de fontes de água e do solo, e perda de animais. A produção conta com a narração da atriz Jéssica Barbosa e trilha sonora original de Eduardo Guerra.

O lançamento do documentário acontecerá em um evento online, transmitido pelo Youtube da CPT Bahia e páginas do Facebook da CPT Bahia, CPT Nacional e parceiros. Após a exibição do documentário, haverá uma roda de conversa com Edinei Soares e Ediva Bastos (da comunidade Angico dos Dias), além de Lucas Zenha, pesquisador do GeografAR/UFBA, e Padre Bernardo Hanke, da Paróquia de Campo Alegre de Lourdes, sobre os efeitos da mineração. O cordelista Antônio Silva também participará do momento.

Para Edinei Soares, presidente da associação comunitária de Angico dos Dias e Açu, a produção do documentário foi uma conquista importante para a comunidade. “Vai contribuir muito pra gente poder mostrar como é a situação de uma comunidade que enfrenta os problemas da mineração e da grilagem. A gente vem lutando pra permanecer no território. O documentário é um instrumento bem importante, que vai ficar para as futuras gerações”, afirma. O documentário é uma realização da CPT Bahia, Associação Comunitária de Fundo de Pasto de Angico dos Dias e Açu, e Associação Comunitária de Fundo de Pasto de Baixão Grande, Baixãozinho e Baixão Novo, com o apoio de Misereor. O teaser está disponível no YouTube.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome