Dilma garante que gastos com programas como Bolsa Família não serão reduzidos

2

dilma e ministros/Foto divulgação A presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou que não irá reduzir gastos com programas sociais no País. Em coletiva de imprensa no início da noite de segunda-feira (1º), interrompendo a reunião ministerial que teve nesta tarde em Brasília, Dilma afirmou que irá buscar em outras áreas recursos para fazer investimentos em mobilidade urbana e em serviços públicos, que têm sido motivos de protesto nas ruas do Brasil.

“Não vai haver a menor hipótese de reduzir qualquer gasto social, porque tudo o que conquistamos foi resultado do Bolsa Família, Luz Para Todos, Água Para Todos”, afirmou a presidente, citando programas sociais desenvolvidos pelo Governo.

Em uma leitura das manifestações, a presidente afirmou que a população não tem tocado em questões que se referem a empregos ou rendimentos. “Não estamos na fase em que a grande reivindicação era por emprego ou pelo rendimento das pessoas“, disse. “O povo nas ruas não pediu redução de gasto social, e o meu governo não fará, eu não farei”.

Dilma também disse que não iria comentar a pesquisa Datafolha que apontou queda na popularidade da presidente de 57% para 30% após três semanas de protestos pelo País. “Nunca comentei pesquisa. É um retrato do momento e a gente tem que respeitar”, afirmou.

Plebiscito

A presidente disse que apresentará nesta terça-feira (2), ao Congresso, uma lista de perguntas para um plebiscito sobre a reforma política. Ela enfatizou que as perguntas serão sugestões e que cabe ao Congresso e ao Tribunal Superior Eleitoral definirem o conteúdo da consulta popular. Afirmando que uma consulta não pode ter questões em excesso para não ser exaustiva, disse que pretende enviar perguntas sobre financiamento de campanha e o tipo de voto em eleições.

A presidente falou que as perguntas serão enviadas como sugestão, porque a competência de convocar um plebiscito cabe unicamente ao Congresso. (Fonte: Estado de S.Paulo)

2 COMENTÁRIOS

  1. Que discurso medíocre!
    “Não vai haver a menor hipótese de reduzir qualquer gasto social, porque tudo o que conquistamos foi resultado do Bolsa Família, Luz Para Todos, Água Para Todos”, afirmou a presidente, citando programas sociais desenvolvidos pelo Governo.
    Não vai haver redução nos programas sociais porque a economia vai bem (setor privado)

    “porque tudo o que conquistamos foi resultado do Bolsa Família”
    Realmente o que o PT fez foi usar o bolsa família como trampolim para e manter o maior colégio eleitoral do pais (nordeste)
    Pena que esses ingênuos não perceberam ainda que isso foi um direito adquirido, não uma bondade de lula.

    • vc deve ser mais um desses plaiboys q vivem na luxuria e não sabe e nem tem idéia do q esses nordestinos passam de dificuldades, principalmente no momento de seca tão assustadora, isso q muitos, como vc, chama de esmola é o q possibilita a esses “ingênuos”, q vc cita, possam colocar um prato de comida na pra si e seus filhos. Conheça a realidade dessas pessoas e fale…
      Eu aprovo a BOLSA FAMÍLIA pq ele é necessário e o considero o MAIOR PROGRAMA DE DISTRIBUIÇÃO DE RENDA q esse PAÍS já teve… e isso foi conquistado no governo do maior PRESIDENTE q o BRASIL já teve, o nosso ILUSTRÍSSIMO “PERNAMBUCANO” LULA q já passou por tudo q esse povo NORDESTINO, GUERREIRO passa…

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome