Curso de medicina veterinária vira motivo de reclamação

por Carlos Britto // 19 de dezembro de 2022 às 13:30

Foto: Reprodução

Estudantes do curso de medicina veterinária da Faculdade UniBRAS, em Juazeiro (BA) estão revoltados com a estrutura do ensino. Segundo um grupo que procurou a reportagem do Blog, vários quesitos estão “deixando a desejar” na formação profissional dos futuros médicos veterinários.

“Estão sendo dadas disciplinas que não fazem parte da grade curricular do curso. Carga horária incompatível com a importância de cada matéria. Junção de disciplinas para diminuir a carga horária. Professores com carga horária baixa, resultando em disciplinas dadas incompletas. Laboratórios sem material adequado para estudo, sem cubas para conservação das peças. Promessa de clínica escola, para aulas práticas e estágio desde o primeiro semestre 2019.2 e tantas outras queixas administrativas”, disseram em nota.

“Temos professores excelentes, que fazem o possível e às vezes o impossível para continuar dando aulas, mas não temos condição adequada de estudo. Caso a primeira turma de Medicina Veterinária (2019.2), não se forme, todas as outras não formarão”, completou. O Blog tentou contato com a instituição, mas não conseguiu até a publicação desta matéria. O espaço continua aberto caso a faculdade deseje se pronunciar.

Curso de medicina veterinária vira motivo de reclamação

  1. Marcos Macedo disse:

    Imagino a qualidade desses veterinarios.
    Quem vai pagar pela economia desse curso serão os animais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.