Cônsul geral do Japão visita secretário do Trabalho e Emprego de Pernambuco

por Carlos Britto // 20 de dezembro de 2021 às 18:52

Foto: Ascom Seteq-PE/divulgação

O secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação de Pernambuco, Alberes Lopes, recebeu, nesta segunda-feira (20), a visita do cônsul geral do Japão no Recife, Hiroaki Sano. O objetivo foi o de estreitar a relação entre Pernambuco e o país nipônico. O encontro ocorreu no gabinete do secretário, localizado no prédio da Agência do Trabalho da Rua da Aurora, área central do Refie. Hiroaki Sano assumiu o cargo em agosto do ano passado e disse a Alberes que sua maior missão é divulgar mais Pernambuco e o Nordeste para as empresas japonesas. O Consulado Geral do Japão no Recife abrange os Estados de Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas, Sergipe e Bahia.

Em Pernambuco já existem empreendimentos japoneses como a Musashi, a Nissin, a Niagro e a Yazaki, todos com destaque positivo no mercado de trabalho. A Musashi, da indústria automotiva, está entre as melhores 25 empresas do Brasil para se trabalhar. A sede se localiza em Igarassu. A Nissin inaugurou uma fábrica de macarrão instantâneo no município de Glória de Goitá, no interior de Pernambuco, para atender ao mercado do Norte e Nordeste.

A Niagro, por sua vez, tem sede em Petrolina e produz polpa de fruta para exportação, tornando-se líder e pioneira no Brasil na produção, industrialização e comercialização de produtos de acerola. Já a Yazaki, a desenvolvedora e fabricante de chicotes automotivos, vai gerar cerca de 2 mil empregos diretos e indiretos no município de Bonito.

A relação do Japão com o município de Bonito é antiga. Foi lá, que se estabeleceu a primeira colônia japonesa por volta de 1950, com famílias que se sustentavam da agricultura, cultivavam flores e alimentos.

Parcerias ampliadas

O cônsul afirmou que, após o fim da pandemia, a intenção é ampliar as parcerias do Japão em Pernambuco e no Nordeste. “O Brasil é um país do futuro, porque aqui tem muitos recursos minerais e humanos, especialmente no Nordeste”, destacou o cônsul. “As relações entre nações são muito importantes, tanto na questão cultural como comercial. Eu fiquei entusiasmado em saber que o cônsul tem interesse em fazer as parcerias com Pernambuco”, disse Alberes Lopes, frisando que os dois conversaram especialmente sobre parcerias nas áreas de gastronomia e tecnologia. “A expectativa de futuro é muito boa, principalmente após o fim da pandemia“, concluiu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *