Construção de subestação da Celpe na Vila Mocó causa apreensão entre moradores; Empresa garante que equipamento não oferece riscos

1

A construção de uma subestação da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) na Rua do Imperador, na Vila Mocó, área central de Petrolina, tem causado apreensão entre os moradores. Eles procuraram o Blog para relatar que têm medo de ocorrerem explosões e descargas elétricas. Em nota, a Celpe garante no entanto que o equipamento não oferece riscos à população.

Acompanhem:

Em atenção aos moradores do Bairro Vila Mocó, em Petrolina, a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) esclarece que a instalação da nova Subestação Petrolina III na localidade não oferece risco à população. A unidade está sendo construída dentro das especificações técnicas exigidas pela legislação e segue padrões internacionais de segurança. Em todo o Estado de Pernambuco a concessionária possui 147 subestações, a maioria em áreas urbanas e todas dotadas de sistemas de proteção.

A Subestação Petrolina III ampliará a oferta de energia no Sertão, beneficiando uma população de 70 mil habitantes. Seguindo o novo padrão da Celpe, o muro da subestação será utilizado para orientar a população sobre o uso seguro da energia elétrica. A finalidade é disseminar informações educativas como: não soltar pipas nas proximidades da rede elétrica, evitar a instalação de antenas perto da rede de distribuição de energia e não fazer ligações clandestinas, entre outras. A Celpe se coloca à disposição.

Celpe/Ascom

(foto/divulgação)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

seis + nove =