Confiram principais fatos que marcaram mês de março

0

manifestação ponteConfiram os principais fatos que marcaram o mês de março, entre eles manifestações contra e a favor da presidente Dilma Rousseff e os novos detalhes do crime da menina Beatriz Angélica Mota, que chocou a região:

2/03 – Morador de Afrânio ganha mais de R$ 9 milhões na Quina;

boxes ceape– Boxes do Ceape continuam sendo demolidos e clima volta a ficar tenso no local;

– Vítima de ofensas em rede social, professora Janaína Guimarães, da UPE Petrolina, decide entrar com ação contra estudantes que a chamaram de “burra”;

lossio isaac e armando3/03 – Ministro Armando Monteiro Neto (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) firma compromisso em apoiar Anel Viário de Petrolina e Juazeiro;

8/03 – Ex-vereador Ruy Wanderley reassume presidência do PSL em Petrolina, no lugar de César Durando, que foi para o PPL;

9/03 – Morre aos 71 anos o músico pernambucano naná Vasconcelos;

comissão senado FBC dívidas produtores 11/03 – Comissão do Senado presidida por Fernando Bezerra Coelho realiza em Petrolina 1°Ciclo de Debates para o aprimoramento do texto sobre a Medida Provisória (MP) 707, que avalia a prorrogação do crédito a produtores rurais;

– Polícia Militar da Bahia abre sindicância para apurar denúncia de agressão física a professor da Univasf, numa abordagem policial em Juazeiro (BA), em novembro de 2015;

dr pérsio assume PV– Em clima festivo, Dr.Pérsio Antunes assume presidência do diretório do PV em Petrolina e fortalece oposição na cidade;

12/03 – Morre em Petrolina, vítima de câncer, o empresário Roberto Moura, mais conhecido na região por ‘Robert Car’;

PP-odacy14/03 – PP oficializa apoio ao deputado estadual Odacy Amorim (PT), pré-candidato a prefeito de Petrolina;

16/03 – Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) multa o prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho, em R$ 5 mil, por prática de nepotismo;

17/03 – Presidente do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe), Silvio Rodrigues, diz que vai averiguar denúncias referentes a serviços precários no Hospital Universitário (HU), inclusive sobre o fechamento dos portões da unidade, impedido a entrada de pacientes;

– Após polêmica envolvendo o projeto de regularização dos Bairros Mandacaru, São Jorge e São Joaquim (zona norte de Petrolina), de autoria do Executivo Municipal, Dr.Pérsio Antunes aciona o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) contra o presidente da Casa Plínio Amorim, Osório Siqueira, por este não ter acatado parecer da Comissão de Redação e Justiça da Casa, da qual Dr.Pérsio presidia, considerando “irregular” o projeto. Osório formou comissão especial que analisou a matéria, a qual foi aprovada pelos demais vereadores;

– Deputado federal Fernando Filho (PSB-PE) é indicado para compor a Comissão do Impeachment na Câmara dos Deputados;

interdição ponte18/03 – Manifestantes pró-impeachment interditam Ponte Presidente Dutra;

– PSB de Juazeiro, por meio do advogado Carlos Luciano, decide deixar Governo Isaac;

– Ponte Presidente Dutra volta a ser interditada, desta vez por manifestantes a favor da presidente Dilma Rousseff;

22/03 – Justiça pode invalidar o projeto de regularização fundiária dos bairros Mandacaru, São Jorge e São Joaquim;

jua-garden-inauguração23/03 – Multidão prestigia em Juazeiro (BA) a inauguração do Juá Garden Shopping;

24/03 – Citado em planilhas da Operação Lava Jato, o prefeito de Juazeiro Isaac Carvalho nega ter recebido repasses da Construtora Odebrecht;

25/03 – Após ser convocado pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE), comunitário de Petrolina conhecido por ‘Beguinha do Ceape’ nega que recebia mensalmente R$ 500,00 da prefeitura, conforme havia revelado à imprensa;

tolentino28/03 – Citado na Operação Lava Jato, o ex-secretário municipal e prefeiturável Orlando Tolentino afirma que doação da Odebrecht para a campanha do ex-deputado Osvaldo Coelho (da qual era coordenador) foi legal;

marceone delegado29/03 – Em nova entrevista coletiva, o delegado de Polícia Civil Marceone Ferreira, responsável pelo Caso Beatriz, afirmou que a menina Beatriz Angélica Mota não foi morta no local em que seu corpo foi encontrado, num compartimento esportivo do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora. Ele ainda revelou que cinco funcionários da instituição estariam na lista de suspeitos;

30/03 – Advogado do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, Claílson Ribeiro, garante que os funcionários citados pelo delegado Marceone Ferreira foram demitidos pela direção. Ele pediu “mais transparência e responsabilidade” da Polícia Civil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

quatro × 4 =