Compesa diz que tomará medidas contra funcionário que mantinha aves em cativeiro

por Carlos Britto // 21 de janeiro de 2022 às 21:00

Foto: Ascom PMP/AMMA divulgação

Por meio de nota enviada a este Blog acerca da apreensão de aves silvestres na tarde de hoje (21), realizada pelas equipes da patrulha ambiental e da Agência Municipal de Meio Ambiente (AMMA) na sede da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) em Petrolina, a empresa esclarece que repudia veementemente qualquer ação contra o meio ambiente e lamenta o ocorrido. De acordo com a Compesa, as espécies pertenciam a um funcionário terceirizado.

A empresa desconhecia a existência de aves silvestres, praticada por um funcionário terceirizado em unidade da Companhia. A Compesa não admite ou compactua com tais práticas e tomará as medidas administrativas cabíveis, respeitando a legislação, o contraditório e o devido processo legal”, destacou a nota.

Compesa diz que tomará medidas contra funcionário que mantinha aves em cativeiro

  1. Mané disse:

    Tá justificado a ausência nas desobstrução de rede e poços de visitas.
    Tá justificado a omissão com a população de Petrolina.
    Tá justificado a falta de rede em muitas vias e falta de reparos onde quebrou o pavimento irresponsavelmente.
    Cuidar de pássaros presos é mais fácil.
    Compessima.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.