Começa recuperação do acesso a residenciais de Juazeiro e ônibus mudam itinerário

por Carlos Britto // 02 de agosto de 2021 às 19:33

Foto: PMJ

Por conta de obras de recuperação do acesso entre a Rua 11 do bairro Itaberaba e os Residenciais Juazeiro I, II e III, a Companhia de Segurança, Trânsito e Transporte (CSTT) promoveu mudanças no trânsito para quem circula pelo local e para o transporte coletivo.

 

A ação estrutural, a cargo da Secretaria de Serviços Públicos (Sesp), conta com troca do sistema de drenagem de águas pluviais, além da instalação de três caixas coletoras de águas de chuvas na galeria localizada nas proximidades da Travessa da Marquesa. Segundo os técnicos, o tempo de cura da obra é de 15 dias, e assim que os serviços forem concluídos a via ficará livre para o acesso da população.

 

Itinerário

Durante esse período, o itinerário dos ônibus para essa área será o seguinte:

 

Sentido Centro-bairro

 

Itinerário normal até a Rua 11 (bairro Itaberaba), entrando à direita na Avenida São Francisco até a BR-235, passando pela fazenda Baia de Saulo e seguindo até os residenciais Juazeiro II, III e I (nesta sequência).

 

Sentido bairro-Centro

 

Retornando para os residenciais Juazeiro I, II, Fazenda Baia de Saulo e BR-235, pegando pela Avenida São Francisco e acessando a Rua 8 (BR-235), segundo o itinerário normal. Já os veículos de passeio entrarão e sairão pela Avenida Projetada Três, no bairro Tabuleiro – ao lado do Posto de combustíveis Dona Rosa, na via de acesso à BA-210.

 

Pontos de parada

 

Sentido Centro/bairro –

Rua 11 (Referência casa 802)

Avenida São Francisco (Barbearia Avenida)

Avenida São Francisco ( Bar da Patrícia – verde)

Avenida São Francisco (casa 1391)

 

Sentido bairro-Centro –

Avenida São Francisco (casa 1391)

Avenida São Francisco (Bar da Patrícia – verde)

Avenida São Francisco (Barbearia Avenida)

Rua 11 (casa 802)

Avenida São Francisco (Farmácia Deus é Fiel)

Avenida São Francisco (Igreja Universal)

 

Todos os desvios foram sinalizados e readequados, além de haver o serviço de fiscalização de trânsito com o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *