Com reforço de vacinas, Petrolina abre agendamento para primeira dose

por Carlos Britto // 26 de agosto de 2021 às 10:31

Ascom PMP/SMS divulgação

Com a chegada de novas doses da vacina contra a Covid-19, a Prefeitura de Petrolina abrirá agendamento da primeira dose para a população em geral com 25 anos ou mais, nesta quinta-feira (26). A partir das 14h, estarão disponíveis quase 3 mil vagas na plataforma atual. A imunização acontecerá das 9h às 17h, na próxima terça (31) e quarta-feira (1°/09). Os públicos pertencentes às forças armadas, caminhoneiros, trabalhadores da indústria e da construção civil, e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário irão seguir o critério por faixa etária. Ou seja, para receber a vacina devem ter 25 anos ou mais.

Já os profissionais da Saúde e Educação, pessoas com comorbidades, gestantes, puérperas e indígenas entre 18 e 59 anos precisam realizar o agendamento. Para a população com 55 anos ou mais, não é necessário agendar: basta procurar o polo do Sesc, exclusivo para esse público, onde diariamente são disponibilizadas 20 fichas.

O município também está imunizando os adolescentes de 12 a 17 anos com comorbidades, de acordo com o plano nacional de imunização. Para esse público foi reservado o polo do Sesc. É necessário agendamento. Quem tem 18 anos ou mais e irá viajar ao exterior para tratamento de saúde, transferência de emprego, é pesquisador ou estudante em intercâmbio, com viagem agendada para o segundo semestre, também foi incluído nos grupos prioritários e deve realizar o agendamento na plataforma.

Documentação

Para receber a vacina, além do agendamento as pessoas precisam portar documento oficial com foto, CPF ou cartão do SUS e comprovante de residência. No caso dos profissionais, é necessário apresentar ainda o contracheque ou declaração que comprove o vínculo empregatício. Já as pessoas com comorbidades devem levar o laudo que comprove a doença.

Com reforço de vacinas, Petrolina abre agendamento para primeira dose

  1. Daniel disse:

    Muitas cidades já estão avançando para outras faixas de idade, inclusive Juazeiro. O que falta para Petrolina seguir esta tendência? Apoio do Governo Estadual?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *