Coluna da Folha: Uma segunda quinzena duríssima do segundo turno Pernambucano

por Carlos Britto // 17 de outubro de 2022 às 07:00

Fotos: reprodução

A segunda quinzena para a eleição mais acirrada, da recente história de Pernambuco, já começou.

De um lado, Raquel Lyra (PSDB), que voltou ao campo da campanha depois do seu drama pessoal após perder deu esposo, aos 44 anos de idade. A tucana voltou em um grande evento em Caruaru, que reuniu o time e diversos novos aliados.

Do outro lado vem uma animada Marília Arraes (SD), amparada por um evento gigante no Recife, e agora com as bençãos oficiais do seu guru e maior cabo eleitoral, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Se Marília recebeu Lula, recebeu também o PSB, que criticava acidamente, com João Campos, Paulo Câmara e toda a cúpula socialista. Se representa ativo político, sobra também um passivo duro, já que Raquel vai cobrar e colar a péssima avaliação do governador Paulo Câmara (PSB). “Não dá para falar em mudança e estar junto de Paulo Câmara”, já provocou a tucana, em uma live semana passada.

Na mídia os ataques mais duros entre as duas postulantes ainda não chegaram, mas a coluna já tem informação que essas peças já começaram a ser produzidas. Agora é ‘salve-se quem puder’.

Parcerias

Reeleito para o quarto mandato, o deputado federal Augusto Coutinho (Republicanos) se reuniu, na semana passada, com os prefeitos Jogli Uchôa (Araçoiaba) e Nino Nascimento (Nazaré da Mata). Campeão de votos para deputado federal nestes dois municípios, o parlamentar assumiu compromisso de seguir trabalhando para destinar emendas às prefeituras.

Time engrossado

Em Cabrobó, os 1.360 votos obtidos por Raquel Lyra no primeiro turno das eleições poderão aumentar consideravelmente. Uma nova frente de apoios de lideranças políticas se formou agora com os ex-prefeitos Auricélio Torres (PSB) e Marcílio Cavalcanti (PDT), o atual vice-prefeito Dr.Lucas Novaes (UB), os vereadores João Pedro Novaes (PSB), Glênio Rodrigues (PDT), Rony Russo (Republicanos) e Vagner de Sarapó (PV). Ainda poderão apoiar Raquel os vereadores João da Saúde e Virlane Saraiva, além de outra liderança do município como o ex-presidente da câmara, Dim Saraiva. O ex-prefeito Eudes Caldas já votou em Raquel no primeiro turno.

Recado duro

Único deputado federal em Caruaru, Fernando Rodolfo (PL) reafirmou compromisso com a reeleição do presidente da República, Jair Bolsonaro (PL). Para o Governo de Pernambuco, disse que vai aguardar a manifestação do presidente estadual do partido, Anderson Ferreira (PL). Ainda assim, em entrevista a uma rádio local, fez duras críticas à ex-prefeita Raquel Lyra (PSDB), dizendo que ela “está usando eleitores bolsonaristas”. O deputado ainda ampliou a crítica, afirmando que “foi por conta de uma grande comoção popular que o atual governador Paulo Câmara (PSB) conseguiu ser eleito. E o resultado disso foi que Pernambuco viveu os últimos oito anos sob o comando do pior governador de sua história”, afirmou.

Com o time todo

O deputado federal eleito Mendonça Filho (UB) defendeu, em vídeo postado em suas redes sociais, que é fundamental “concentrar todas as forças possíveis para tirar o Governo de Pernambuco das mãos do PSB, do PT e da família Campos, que fechou com Marília Arraes (SD) no segundo turno”, declarou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.