Coluna da Folha: Miguel mostra o cartão de candidato

10

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), partiu para o ataque. E partiu com força. Se já era perceptível que o jovem prefeito se colocava como um candidato das oposições para a sucessão do governador Paulo Câmara, agora ele já apresentou o cartão de inscrição.

Miguel aproveitou a visita do presidente Jair Bolsonaro a Sertânia, na última sexta-feira (19), onde participou do início de testes e pré-operação do 1° trecho do ramal do Agreste, na Estrutura de Controle do Reservatório Barro Branco, e aproveitou o prestigio do pai, senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), líder do governo no senado, para aparecer na foto e virar notícia no Estado inteiro.

Além das fotos, Miguel gravou vídeos falando da obra, da importância para os “irmãos pernambucanos” e do sucesso da sua gestão na maior cidade do Sertão que pode ser ampliado por Pernambuco todo. Os passos de Miguel são medidos, não por acaso, ficou ao lado do Ministro Gilson Machado, queridinho do presidente, e agora lembrado para as eleições de 22.

A aparição do prefeito de Petrolina pode ter sido o debute de sua campanha eleitoral, mas ele sabe que não terá um jogo fácil pela frente: Vai precisar convencer os velhos caciques da política que o novo pronto a desafiar a hegemonia do PSB e ainda convencer os prefeitos de Caruaru, Raquel Lira e, principalmente, Anderson Ferreira de Jaboatão dos Guararapes que pode ser esse player. Essa será, talvez, a parte mais difícil do jogo.

Mais transparência > O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), recomendou à Prefeitura de Cabrobó que assegure a disponibilização de todos os dados referentes ao Plano Nacional de Imunização contra a Covid-19 em site oficial na internet com informações claras, objetivas e atualizadas.

O “lixão” > Após uma visita de alguns parlamentares ao Hospital Regional Agamenon Magalhães (Hospam), de Serra Talhada, no Sertão do Pajeú, o diagnóstico foi de “descaso” por parte do Governo do Estado. Com celulares nas mãos, os parlamentares circularam pela área externa da unidade, e encontram desde mato e lixo, até uma ambulância abandonada, com o pneu furado.

Toque de recolher > A prefeitura Municipal de Belém do São Francisco determinou, por meio de decreto, o toque de recolher na cidade, a partir desse sábado (20). A deliberação do Comitê de Operações de Emergência em Saúde Pública (COE) estabeleceu o toque de recolher por um prazo de seis dias, de 22h até as 05h, a fim de conter a circulação de pessoas neste período e assim tentar diminuir a proliferação do coronavírus na cidade. Com exceção em casos de urgência comprovada.

Dois anos de reclusão > O prefeito de Tuparetama, no Sertão no Pajeú, Domingos Sávio Costa Torres (PTB), foi condenado por desvio de verbas públicas. A pena foi de dois anos de reclusão, substituída por duas penas restritivas de direitos, consistentes em prestação de serviços comunitários e prestação pecuniária mensal, em valor que será fixado pela Justiça. O réu poderá apelar da decisão em liberdade.

10 COMENTÁRIOS

  1. Vixe, vai fazer estrada que desmancha na primeira chuva, endividar o estado, aumentar o ICMS para 200%; e criar “casas de partos normais”, onde gestante que tiver cárie não pode ser atendida.

    É isso que o pernambucano quer?

  2. Não tem jeito! Passa o tempo, os mais velhos se vão e os mais novos chegam para dar continuidade ao coronelismo, aos menos é o q eles imaginam.
    Abram os olhos povo pernambucano.
    Logo mais começa a farra do nosso dinheiro nas mãos desses caras.
    Se engana quem pensa q o povo é besta. Vamos ficar ligado nesses caras e troco vai ser nas urnas.

  3. Fato! A maioria dos eleitores pernambucanos não votam em candidatos de Bolsonaro! Prinipalmente da Região Metropolitana, Se ele conseguir reverter essa tendência vai se eleger até pra presidente dos EUA!

  4. Ele deve estar pensando que vai fazer igual aqui, correr dos debates e com a mídia vendida mostrando só as obras faraônicas, e os problemas reais de lado. Ai vai ser a hora da verdadeira Petrolina aparecer.

Deixe uma resposta para Ricardo Cancelar resposta

Comentar
Seu nome

quatro × três =