Cancão pede demissão de secretário de Lossio por projeto que superfaturava compra de imóveis, mas isenta prefeito de culpa

por Carlos Britto // 08 de julho de 2015 às 11:32

ronaldo cancaoO líder da bancada oposicionista, Ronaldo Cancão (PSL), fez uma revelação aterradora na sessão extraordinária de ontem (7) da Casa Plínio Amorim, que analisou alguns projetos de lei enviados pelo prefeito de Petrolina, Julio Lossio (PMDB).

Em um dos projetos, o 018/2015 – que autoriza a desafetação e permuta de imóveis pertencentes ao município por imóveis particulares – Cancão afirmou que os cofres municipais iriam sofrer um prejuízo incalculável por um grave equívoco da administração.

Segundo o líder da oposição, os terrenos a serem negociados teriam um valor de cinco e até dez vezes mais o que realmente valiam. “Isso aqui é uma fraude, um roubo”, declarou Cancão. O vereador ressaltou que se não tivesse descoberto, tal erro iria passar “sem problemas” pela Casa.

Além de isentar Lossio de qualquer responsabilidade,  Cancão elogiou o prefeito por ter admitido o erro ao reenviar o projeto corrigido. Mas não fez o mesmo com a equipe do prefeito. “Vou exigir a demissão do secretário responsável”, disse o oposicionista, que tachou o erro de “falcatrua imoral”.  “Estou zelando pelo patrimônio público”, completou. Apesar da denúncia que fez, Cancão acabou votando favorável ao projeto corrido de Lossio.

Cancão pede demissão de secretário de Lossio por projeto que superfaturava compra de imóveis, mas isenta prefeito de culpa

  1. Maria Josefa Silva disse:

    Esse Ronaldo Cancão é uma piada. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  2. Maria Josefa Silva disse:

    Esse Cancão é uma piada mesmo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *