Brasileiros que residem no exterior já começam a escolher novo presidente do Brasil

por Carlos Britto // 07 de outubro de 2018 às 09:02

Foto: reprodução

A eleição para presidente do Brasil já começou. Eleitores que residem no exterior começaram a votar às 16h (de Brasília) deste sábado. Os primeiros a depositarem seu voto para algum dos 14 candidatos ao Palácio do Planalto foram os moradores da Nova Zelândia. A partir de 19h, vão às urnas os brasileiros na Austrália. Em seguida, no Japão e na Coreia do Sul. Os últimos a participar do pleito fora do país serão os residentes de São Francisco, nos Estados unidos, e Vancouver, no Canadá, onde o processo se inicia ao meio-dia de domingo.

Mais de 147,3 milhões de eleitores estão aptos a votar este ano para presidente, governador de estado, dois senadores e deputados federais, distritais e estaduais. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), meio milhão de brasileiros vão às urnas fora do território brasileiro – estes já estão habilitados a escolher um presidente. Em 2014, foram pouco mais de 350 mil.

Os países com maior contingente de brasileiros aptos a votar são Estados Unidos, Japão e Portugal. Em solo americano, vão às urnas 160.005 eleitores. No país asiático, são mais 60.708 e, no europeu, outros 39.118. Nestas eleições, 744 urnas eletrônicos foram destacadas para as seções no exterior.

As cidades norte-americanas de Miami e Boston abrigam boa parte desses eleitores. Boston tem 35.044 eleitores e Miami, 34.356. Tóquio é a terceira com mais brasileiros a participar das eleições 2018, com 26.092. A grande maioria do eleitorado vai às urnas de 8h às 17h (de Brasília) neste domingo, horário de funcionamento das zonas eleitorais. A expectativa é de que os resultados sejam divulgados a partir das 20h. (Fonte: Extra Online)

Brasileiros que residem no exterior já começam a escolher novo presidente do Brasil

  1. Paulo rogerio de araujo disse:

    O cara esta em outro país pode.votar quem esta no pais e não no estado nao pode votar não consigo entender essa leis do Brasil.

    1. Renan disse:

      Amigo você poderia sim pedir o VOTO EM TRÂNSITO, podendo votar em QUALQUER LUGAR DO PAÍS, desde que a cidade tenha mais de 100 mil eleitores. Quem está fora do país vota em cidades específicas. vamos pesquisar as “leis do Brasil” pra não falar besteira.

  2. Sem entender disse:

    Isso mesmo Paulo Rogério, não dá pra entender, igual muro de cemitério: quem tá dentro não sai e quem tá fora não quer entrar, kkkkk

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Últimos Comentários

  1. A situação não é fácil, porém não acho que devemos condenar o rapaz com tanta violência. Quem nunca errou que…